Minha pior atitude

Um conto erótico de Debinha69
Categoria: Heterossexual
Data: 09/10/2019 11:47:17
Nota 10.00

Olá gente mim chamo Débora esse é meu primeiro conto aqui. Como os demais conto irei fazer uma breve descrição sobre mim. Tenho 28 anos atualmente, 1,62 de altura coxa grossas com uma peço de 58kg, morena seios fartos. Com essa descrição da para vocês imagina como sou. Então vamos ao conto.

Oque irei relata aconteceu quando eu tinha 19 anos onde tudo começou.

Eu nasce em SP mais ainda muito nova vim com minha família que veio mora aqui em Goiás uma cidade bem mais calma do que a minha cidade natal.

Eu gosto muito aqui de Goiás mais sempre tive vontade de mora na capital onde eu nasce mais queria mora sozinha ter minha liberdade.então quando cheguei aos meus 18 anos aquela vontade aumentava dentro de mim então vir a oportunidade na minha frente estava no 3ano do ensino médio e iria presta vestibular no começo do outro anos então resolvi estuda pra vale pra passa no Enem.

Virei noites estudando ate que chegou o dia da prova. Estava confiante ate que saiu o resultado eu tinha tirado uma ótima nota poderia estuda próximo de casa mais fiz a inscrição para publicidade em uma Universidade de SP. Minha mãe deu um salto que eu não iria e foi a maior confusão. Esperei o resultado, eu tinha sido selecionada conversei com meus pais como Goiás não é tão distante assim é poucas horas de viagem de avião eu poderia vim visitá-los eles concordaram.

Então comprei as passagens e fui para São Paulo cheguei dia 3 de fevereiro pra mim organiza aluguei um Ap pra mim com a ajuda financeira dos meus pais e ai estava tudo certo. Se passaram uns dias ate que se inicio o primeiro dia na faculdade. Cheguei meio perdida pois a Universidade era enorme então parei e fiquei a observa ate que na correia um garoto bateu em mim. Nossa na presa ele só mim chamou de louca e saiu falando um monte. O amigo dele que vinha logo atrás falou comigo. "Desculpa esse doido, ele é assim desajeitado mesmo." Apenas rir e perguntei se ele poderia mim mostra o bloco e a sala das aulas de publicidade. Ele mim levou ate a porta da sala e mim pediu meu número eu agradecida passei o numero pra ele. Ele é ( Branquinho,alto 1,82,corpo atlético e um sorriso lindo.) Tipo play boy filho de papaizim.

Passou uns dois dias depois disso ele mim ligou perguntando oque eu faria na sexta a noite. Respondi que nada de importante apenas estuda pois não conhecia ninguém na cidade. Ele rapidamente mim convidou pra conhecer com ele. Não quis ser Indelicada E aceitei o convite.

Ja na sexta por volta das 19:30 ele ligou pedindo meu endereço eu passei em menos de 30 minutos ele chegou. Eu estava na sacada entrei e desci para abrir o portão para ele, entro mim comprimento e subimos ele fez um elogio falando que eu estava ainda mais linda do que na faculdade eu sorrir. ele ficou meio sem graça pra quebra o clima ele chamou pra gente ir conhecer um barzinho não muito distante do meu AP. Fomos conversamos,bebemos e demos muitas gargalhadas. Ja estava tarde chamei ele pra ir embora. Ele foi em uma direção oposta ao meu endereço fiquei nervosa mais Ele calmamente pediu que eu confiasse nele então ele seguiu até o apartamento dele. Nossa já passou mil e uma coisa na minha cabeça eu suava ele vendo meu desespero falou calma não vou te fazer nada que você não queira. Entramos no Ap dele é o clima foi esquentando nossa mim deixei leva por o clima e quando dei por mim estava nua na cama dele.

Ele muito carinhoso mim deixava extremamente excitada. Acabei que dormindo com ele no outro dia cedo ele foi me deixar no meu AP.

Isso aconteceu pode diversas vezes só que ele me pedir e sigilo que eu não Contasse para ninguém que a gente estava saindo concordei Pois para mim o que importava ela está com ele é já estava apaixonada.

Estava tão apaixonada que acabei contando certas fetiches para ele pois ele me passava extrema confiança. Contei para ele sentir vontade obscuras com fazer ménage,Grupal, ser dominada entre muitos outros fetiches. Eu contava tudo, e ele sorria e ficava meio que abismado mais curtindo tudo.

Como a gente só se via pra transa eu não busca saber muito da vida dele sabia o básico (estudante de direito,pernambucano,o ap dele era no Morumbi e se chamava Marcos, de quebra sabia oque ele postava no facebook) nada Além disso.

No Sábado a noite ele tinha combinado de sair comigo já estava com uns 3 meses que ficávamos e ele nunca tinha mim dado perdido ate esse dia. Mim arrumei liguei e nada nossa pensa na raiva quando pego o celular e vou olha o facebook la esta una foto dele com uma tal fulana com a seguinte legenda ( matando a saudade do meu amor) nossa eu fiquei furiosa mais não comentei nada. Ele passou o final de semana inteiro sem mim da noticias quando foi na quarta a noite ele toca o interfone do meu AP. Lógico deixei ele subir e se explica que explica que nada ele veio cheio de gracinha querendo mim beija eu de lhe um empurrão e comecei a grita

- Ta louco seu cachorro vira lata, Você some todo final de semana e mim aparece agora. Como se nada tivesse acontecido seu idiota. Sair do meu Ap agora.

Ele riu e com tom bem irônico mim respondeu.

-Ta com raiva do que minha gostosa, eu tive que da assistência pra minha mulher esse final de semana.

Eu- Você é louco... Eu vir bem oque você estava fazendo sair daqui. Mim esquece.vai embora

Ele rindo ainda mais alto respondeu.

- louca é você que se envolve com um cara que nem conhece, sua vagabunda,piranha,lesbica incubada, sua puta.

Nessa hora sair de mim e por impulso da raiva pois ele estava expondo tudo que eu tinha contado pra ele do meus fetiches. Dei uma tapa na cara dele.

Ja mais tinha visto ele daquela forma ele veio pra cima de mim com tudo pegou no meu pescoço e começou a mim enforca ali no sofá eu tentava levanta mais era em vão. Segurando meu pescoço ele falou.

-Você não queria ser dominada,submissa agora você será e vai fazer tudo que eu quiser como eu quiser esta escutando se não eu mando você dessa pra melhor. ( cada vez mais apertando meu pescoço ate que desmaiei)

quando eu tornei estava no meu quarto amordaçada e amarrada na cadeira da minha escrivaninha. Quando olho pra cama ele esta deitado e da um sorriso malicioso. É direciona o olha pra TV em frente a cama.eu não acredito no que estou vendo ele tirou varias fotos minha nuas e vídeos. Eu mau sabia que ali era só o começo...

Irei continua aguardem pra ler pois essa historia e pra gozar muito...

Comentem.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
09/10/2019 20:14:54
tesão
09/10/2019 20:05:23
Continua, gata...
09/10/2019 18:10:13
Continua!
09/10/2019 13:06:20
Aguardando os proximos capitulos amiga

Online porn video at mobile phone


comendo a sobrinha de 13 aninho conto eroticoseu. quero. ve. video. porno. com. menina. de. quize. ano. pegarno. carona. de. caminhaonovinha estruprada e anal aforca ogrigada wdmeu enteado me engravidou contosvaldir.piricudoincestocrenteSuse rego tomando na bucettapornô negão malhado baiano com as morena baianafotos de grelos ichadinhosbaixar as brasileira dois munto xnvdeoxxvibeo comeo mea da amigacontos eroticos despedida de solteiravidio porno de mulheris piquenas de 120 sentano ni rolas de 44 centimetroContos trai meu marido com um roludoporno doidmae dando cu p filhocotos.eroticos.de.coroas.com.muleki.jegicontos eiroticos leilapornconto gay afeminado cabeleiro fio dental negroBaixa filme porno aa panteras juliana tranzando na cozimhacontos de mae.putona tarada pela rola do filhodei minha buceta no reformatório sexo com homens islan aforçando mulher gostosalindos travecos sendo regassadosAbrir filme de sexo caixa de molho tirando a virgindade das moças de 18 anos gostosaxvideovizinhogayconto erótico o Início de Lúcia como escravaxvideos filha sevigado da sua maeconto erotico no prontosocorromeus amigos me comiamporno para deixar aqecidarFeitichi d evangelica c homemprofessora mulata fodenocom alunoestupro esposa contos eroticoscontos de encoxadas em mulheres evangelicas nos transportes publicosso menina dabuceta lizinhaa fazedo sexocontoseroticos/comadre rabudaconto erotico sheila gritou chorou e ele comeu se cucumendo a sogra da bunda grade de 35 anoscontos de cú de solteironamaduras no meu cu nao porraaa paraaa aiiiiipastor alguma pausado comendo novinha apertadinhaporno com mãe e filha bucetudas de guaianazesconto gay ele se revoltou e tomou todasroludas veudas xvideocontos incesto mae gtsmae da a buceta pra.compagar divida do filho contos eroticosconto gay o nerd e o bad boy 7chegou em casa filha foi pro pagode e genro ve mae coroa dormindo e vai elamesmo mete a peca filme pornoSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhaesposa bar sexo xsvedeoporno conto e roti padatrosvideo porno marido enbebeda aesposa chama o amigo para aproveita com seu pauzaox pono de bundas arotando galaporno travesti enbebedando omemconto erotico gay conto gay real romance historia -youtube -site:youtube.comcolocou a calcinha de lado e mostro a priquita xvidioChico não posta foto dela desce em pornô com As Panteras filme pornô com As Panteras 10xx video madrata ponheteira na madrugadaMinha esposa perdeu a virgindade do cuzinho com 2 negros picudos contos e relatos eroticosxvideo qrebado ucabasuContos eróticos sobre arregaçei o Priquito dela com minha toraquero ver lindas travestis entrando em enormes rolas ate gozarem nelas videos boas fidasver ponei cobrindo poninhaefaç de pornpraticantes de scat videocontos eroticos empregada precisa de granacontos eroticos comi minha irma mais velhazayn prostituta casa dos contos eroticosmorenhnha querua esperimenra uma rola grossacontos eróticos eu em casa a sós com tio do meu maridoContos de loiras taradas por mendigos negrosuolcomo o penis penetra o anusconto erotico gay cunhados