Que isso moleque

Um conto erótico de Juliana sapeca
Categoria: Heterossexual
Data: 27/08/2019 22:54:38
Última revisão: 10/09/2019 21:02:57
Nota 9.78

" Depois de ler não esqueça de deixar um comentário, eu adoro ler todos"

Olá tudo bem, me chamo juliana, tenho 30 anos, sou morena, olhos castanhos, 1,70 de altura, 60kg, tenho seios médios, redondos e firmes, moro na região sul do brasil. Certo dia algumas amigas do meu local do trabalho, Vitória, Shaine, Jessica, decidiram fazer uma festa para sair da rotina, convidaram várias pessoas, inclusive colegas do trabalho.

A festa seria realizada na casa da Vitória, por causa do espaço e lá tinha de monte, porem na festa tinha muita gente, amigos(a) pessoas delas, etc... Eu para a festa coloquei um macacão que possui alças, que possui um belo de um decote indo até a altura do meu umbigo, sem sutiã isso fez mostrar de leve meus seios principalmente as laterais pois o macacão que usava tapava apenas os bicos dos meus seios que as vezes mostrava se olhar bem de perto dá para ver.

A Festa estava muito animada vários homens bonitos e as amigas do trabalho estavam só para dar um perdido pois algumas delas tinham namorado. Vitória ao me ver veio logo me cumprimentar.

- Tá linda Ju, que decote é essa menina, alguns conhecidos estão babando, venha vou te apresentar a casa.

Ao passar por alguns homens alguns assobiaram e começaram a disser para vitória:

- Me apresenta a amiga, Vi.

- Ela não é para teu bico. Respondeu a vitória dando risada da situação saindo dali indo me apresentar a sua casa e no caminho rindo dizia:

- Hoje vou tirar a pepeca da miséria. Eu a mesmo tempo perguntei:

- Mas e seu namorado?

- Ele não está comparecendo e não tem tempo para nada, foi por isso que fiz a festa para poder dar um pouco com quem sabe.

Horas depois só tinha sobrado eu e Vitória e as outras amigas Shaine, Jessica já tinham arrumado companhia e estavam de saída em direção ao motel. Vitória ficou um pouco triste por não ter arrumado ninguém para poder curtir um pouco, não sei como não arrumou pois é branca, tem 27 anos, tem cabelos encaracolados todo vermelho e tem um corpo lindo com um par de seios fartos de dar inveja.

Vitoria tinha bebido algumas cervejas e estava maluquinha doidinha para transar, pegamos algumas cervejas, sentamos na frente da sua casa e começamos a beber e a conversar contando das nossas aventuras, com quem transamos, em que lugares, etc... porém não percebemos que na casa ainda tinha algumas pessoas que começaram a fazer barulho que vinha na cozinha, rapidamente fomos ver quem estava ali pois até aonde sabíamos estávamos sozinhas e chegando lá nos se deparamos com dois convidados mais especificamente dois moleques.

- Que vocês estão fazendo aqui. Perguntou Vitória

- E que estávamos olhando um filme no quarto e não vimos a hora passar.

Eu olhando a cena percebi que um dos moleques não parava de olhar para me decote e Vitória percebeu, rindo ela disse:

- Você nunca viu um decote moleque ou melhor um par de seios, sabendo de quem você é filho tenho certeza que já.

Então pensei por que não curtir com os moleques e aproveitar a noite, mas como iria fazer isso e se fizesse a Vitória teria que participar pois tinha certeza que ela iria adorar pois estava afim de dar sua buceta. Olhando para algumas coisas em sua cozinha percebi que tinha um barulho e disse sem pensar.

- O Vi sabe jogar barulho, o que acha de jogarmos algumas partidas tomando cerveja, já que nossa noite acabou.

- Claro Ju, vamos sim.

Pedi para os moleques ajudar a recolher algumas coisas que tinham ficado no pátio por causa da festa e colocar para dentro, ao terminar de recolher as coisas convidei eles para entrar para dentro de casa pois iriamos jogar baralho. Fechamos toda a casa e sentamos na sala para jogar, Vitória tinha acabado de tomar banho e estava com o cabelo ainda molhado colocou um vestido todo floreado e sentou no chão ao lado de um dos moleques e disse:

- Ju não te apresentei eles, esse no meu lado é Douglas e esse moço que está no seu lado é Júlio, moram duas quadras daqui.

Olhando para eles disse:

- Prazer meninos.

Douglas era franzino, legitimo moleque, Júlio, magro, era alto apesar da sua idade era novo, tinha quase 1,90 de altura, porem já tinha ouvido falar do pai de Júlio pois a Vitória dizia que ele fazia um sexo delicioso e quem ficou com ele sempre quer bis. Depois de apresentarmos começamos a jogar e já estávamos na segunda partida então percebi que estava dando sono na Vitoria e foi aí que percebi está na hora de mudar e ir mais a fundo nisso.

- O que acha mudarmos um pouco, quem perde tem que pagar uma prenda, mas tem que fazer sem enrolação.

Ela ao ouvir aceitou jogar algumas partidas mesmo com sono aceitou, na primeira rodada acabei ganhando e pedi para os moleques dançarem e Vitória também nada demais. Na segunda partida a Vitória ganhou e pediu para os moleques buscarem uma cerveja e já para mim disse:

- Quero que você rebole para os moleques.

Eu então como uma dançarina de funk comecei a dançar rebolando meu bumbum, os moleques sentados olhavam fixos para meu bumbum e Vitória percebeu e eu também, rebolando comecei a me aproximar deles até parar poucos centímetros na cara deles. Douglas soluçava, porem Júlio colocava a mão na boca querendo esconder seu babado que escoria no lado da sua boca.

Vitoria ria ao ver a cara deles, logo começamos a jogar, Douglas acabou ganhando e olhando para mim falou com um tom sarcástico.

- Quero que você beije a Vitória.

Eu então me aproximei dela, sentando no seu colo delicadamente senti suas mãos percorrer meu corpo até me abraçar e olhando nos seus olhos comecei a beija-la de língua como legitimas namoradas, porem nossos beijos se transformaram em amassos e por alguns segundos esquecemos que os moleques estavam ali, uma das suas mãos percorreu os meus seios apertando os mesmos até que paramos de nós beijar e olhando para o Douglas disse:

- Não duvide de mim moleque.

Logo começamos a jogar novamente e Vitória ganhou:

- Quero que vocês meninos tirem sua bermuda e a Ju tire seu macacão.

Júlio rapidamente olhando para Vitoria disse:

- Eu estou sem cueca tia.

Ela rindo da situação disse:

- Tô nem aí se você está ou não, a Ju está sem sutiã e mesmo assim vai tirar.

Douglas todo animado tirou sem culpa, mas Júlio meio tímido e com vergonha tirou e quando tirou a surpresa, o moleque estava de pau duro 19 cm mais ou menos roliço e cabeçudo e Vitória ao ver isso ficou surpresa e disse:

- Que isso moleque, isso é todo seu, as meninas devem ficar doidas.

Douglas ficou meio constrangido ao ver aquela situação, mas começou a colocar pilha e disse:

- Agora é sua vez Ju.

E no estante momento comecei a ouvir tira, tira e sensualizando comecei a tirar e logo meus seios apareceu totalmente durinhos ficando apenas de calcinha. Vitória ria olhando para os moleques, segundos depois começamos a jogar e dessa vez acabei ganhando, era a minha vez de dar o troco.

- Quero que você de aquela rebolada no pau de Júlio e quero que você beije os seios dela moleque, você Douglas...

Quando iria falar o que Douglas iria fazer, uma voz o chamava surgindo da frente da casa, era o pai dele dizendo para vir para casa. Na hora pensei acabou a brincadeira pois o momento tinha esfriado, mas minutos depois estávamos somente eu, Júlio e Vitoria e olhando para eles disse:

- Bora terminar a brincadeira.

Vitoria relutou dizendo já era tarde demais e que estava com sono, então olhando para ela disse:

- Nada disso Vi, vamos terminar a brincadeira, se você está com vergonha está na hora de deixar a vergonha de lado, olha para mim eu estou pelada aqui na frente do moleque.

- Ok tudo bem, vamos lá. Disse a Vitória indo em direção a sala ficando no meu dela.

Júlio sentou no chão se escorando no sofá e eu logo sentei ao seu lado fazendo o mesmo. Vitória começou a rebolar no meio da sala vindo em direção ao moleque que olhava com seus olhos arregalados, nem piscava e dava sinal que estava gostando, pois, seu pau crescia novamente, tanto eu como ela percebemos isso. Com suas mãos começou ergueu seu vestido mostrando sua calcinha que estava ensopadinha de tesão e por um breve momento deu para ver sua buceta, era incrível, bem carnuda ou melhor um belo bucetão que o Júlio não tirava os olhos. Vitória então se aproximou ficando bem perto dele, o rosto de Júlio ficava na altura da buceta e de uma só vez deu uma sentada violenta no colo do moleque que fez ele virar os olhos de tesão e gozar instantaneamente e disser:

- Há, há....

Júlio tinha gozado e tinha molhado ainda mais a calcinha da dela, seu pau rosava a bucetinha dela que rebolava em seu colo e no mesmo momento levantou do seu colo tirando seu vestido e sua calcinha mostrando sua bucetinha carnuda e seu belo corpo todo branquinho. Quando mostrou seus seios fartos o moleque ficou mais doido ainda e ainda em pé olhando bem para os olhos do moleque começou a beija-lo suavemente, com suas mãos começou a massagear seu pau como se estivesse se preparando para sentar naquela vara linda, porem eu estava louquinha para sentir cada centímetro daquele pau na minha buceta, mas aquele momento era deles e não queria atrapalhar.

Vitória envolvia o moleque nós seus beijos, porem com sua mão ajeitou seu pau na entrada da sua bucetinha e foi soltando seu corpo de leve, sentando no seu colo enquanto sua bucetinha engolia por inteiro o pau de Júlio. Com o pau enterrado na sua buceta começou a rebolar delicadamente que logo aumentou o ritmo começando a cavalgar freneticamente naquele pau subindo e descendo, dava para ouvir estalos quando a Buceta dela engolia todo o pau dele, era incrível.

- Era isso que você queria né, moleque? Perguntou a Vitória.

Eu ali no lado apenas assistia toda a cena até que Vitória levantou deitando no sofá abrindo bem as suas pernas mostrando para ele toda sua buceta carnuda e com suas mãos massageava seu corpo e seus seios e olhando para ele disse:

- Venha moleque espero que eu não me arrepende, já que não consegui pegar seu pai pelo menos peguei o filho e pelo jeito você é igual ao seu pai.

Júlio então se ajeitou entre as pernas dela e seu corpo logo veio por cima começando a beija-la enquanto sua mão ajeitava seu pau na entrada da buceta dela e de uma só vez enterrou seu pau na buceta dela fazendo ela gemer e disser;

- Que isso moleque?

Porém começou a meter forte, ela sentia cada metida que o moleque dava, cheia de tesão, gemeia muito. Logo Vitória o abraçou e cruzou suas pernas no seu corpo e o moleque sentiu que estava seguro aumentando o ritmo das suas metidas na buceta dela enquanto uma das suas mãos o abraçava.

Era incrível ver aquilo pois o moleque sabia que estava fazendo de homem tímido se transformou em homem de alfa. Logo Júlio começou a aumentar o ritmo típico que iria gozar e Vitória gemia e dizia ao mesmo tempo.

- Goza na minha buceta moleque, goza.

A buceta de Vitória engolia o pau de Júlio com muita vontade e não demorou muito para Júlio gozar quando gozou deu um belo de um urro enterrando seu pau na buceta dela e Vitória abraçou ele forte para que cada gota do esperma do moleque ficasse dentro da sua buceta. Por alguns segundos ficaram grudados até que Vitória disse:

- Caramba moleque você é melhor do que seu pai, caramba...

- Obrigada, tia. Disse Júlio.

Eu praticamente estava sobrando e olhando aquela cena juntei as minhas coisas e quando estava fazendo isso Vitória começou a fazer um boquete para o moleque e ao terminar de juntar minhas coisas fui para o quarto da Vitória dormir, quando apaguei a luz logo comecei a ouvir novos gemidos vindos da sala e eu sabia de quem era. No outro dia acordei pelas 9:00 da manhã e ao ir na sala eles estavam fazendo o maior sexo e eu ao ver aquela cena disse:

- café da manhã.

Vitória cavalgando olhou para mim rindo disse:

- Para não perder o costume, usar o máximo esse moleque.

Eu então fui na cozinha fazer café para logo depois ir trabalhar.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
13/09/2019 11:33:25
Caramba, muito bom! E muito bem conseguido e de onde resulta uma boa história, com um português razoável. Terá continuação? Aguardo.
08/09/2019 13:18:14
Show de bola.
06/09/2019 21:12:34
espero algum dia conhecer vc
06/09/2019 21:12:19
pena que ele não pegou você...
06/09/2019 21:11:56
que moleque de sorte ele jamais vai esquecer
06/09/2019 21:11:34
linda...
06/09/2019 21:11:24
continue....
06/09/2019 21:11:10
adorei parabéns
03/09/2019 14:24:07
Moleque bom kkkk... bom conto....leia os meus também
29/08/2019 01:43:24
Queria ter a sorte desse moleque
28/08/2019 18:59:28
Ótimo conto gata q tal deixar seu contato no próximo relato ou me mandar pelo meu email:
28/08/2019 10:18:20
Bela história, parabéns
28/08/2019 10:03:18
Delícia de conto Passa lá no meu perfil e comenta lá também
28/08/2019 07:41:56
Muito bom

Online porn video at mobile phone


conto gay ele se revoltou e tomou todasmunher midino o pou do negaumulher esta no sofa conversando e derrepente o cara chega com o pau e coloca bruscamente na boca delaeu e minha mae praticamos zoofilia com nosso cachorrocache:ldh9BdSAKNMJ:gtavicity.ru/texto/201703301 Cachorro cumedor video zofilia pageconto gay filho foder pai marinheiroXvideos melequerapca groca cabecuda gozando dentro video pornocontos arombando cu da esposa prapagafotos reais de mulheres evangelicas com calca enfiadana bundaincestossexualSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhacoroa gostosa exibindo os seios na blusa transparente ate ser fodidatranquei o quarto comi minha irmã 1minuto xvideosporque as vezes ela ta enchutinha e as vezes toda meladajoice na zona zofiliaconto erodico fodir com o namorado da minha amiga e ela chega na oraxisvidios anestesiadasContos pornos-fodi a mendigaconto d queli tesudinhaConto porno rola finapornodoido mulher sentando em um vibracall na sua camadesejo de matar no onibus encoxadorContos janara e sophia chundo minha picapolicial corrupto usa a farda para conseguir mulheres parte 2o ser humano mata rouba e ta tudo certo e eu so pq chupei um priquitinho vou pro inferno?novinho lizinho entra na rola grossa e cabeçuda quaze desmaiaincesto mae negra aparece na frente do filho de vestidinho pornoboa fodaCovidei meu amigo pra toma uma cerveja em casa depois comemos minha esposa casa dos contoscomtos comi minha professoracoroa eela aguentou tudo 23Xvideos pau com veias azuladasXvideo chupou o eletricista e tomou choqueos vídeos de pornô incomodei canivete favor vídeo pornôConto erotico velhinho contos rapais pra continua casado teve que vira amante da sogravideos de incestos com viuvas bem gostosas e carentes doidas pra gozaremmamanono pau do filho baianopornôabaixarabaixarpornôcontos cnn gay soquei no cuzinho de dois garotos no sinalMeu marido virou minha putinha safadacontos eroticos eu e meu amigo batemos uma punheta bem gostosaSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhamarido chupa abuceta da mulher depos de amando emchei ela de porratirei virgindade de minha irma com sindrome contoxxvideos real menage surpresa assustadaeu confesso minha esposa voltou toda arrombada e gozadabuceta arreventadameninas de baby doll fazendo sexo anal e oral e babando no pauxvideos pau untado no cuzinho apertado da novinhauma jovem de dizoite anos pode perde o cabaço da buceta so colocando a cabecinho de um penis por duas tentativa contoconto fui comida por um cavalo pauzudover videos irmao sonabolu traza com irmanver video porno mae gts malhando em casa sem calcinha seu pai verbucetinha novinha estralandoxvideosxvideos menina se mastorbando com giz de ceranovinha vai foder com outro homem quando sai do colégio pagando e ela geme muito no pau dele de baixo de zíper abertocoroas peludos com para fora da cueca samba cançaoannyelle safadinhavou tomar banho da titia moço cagueiincestocrentecontos eroticos - an american talecontos gays de incestos.com- pai machão dominad come filhomenino passivinho gayvidio de sexo dua mae tocando uma pubheta abaixar vídeo de putaria de mulher fresca daquelas gostosas do cuzãoamiga foi estudar e terminou deixando chupalaconto curra virgemxvideos palácio branquinho enfiando na buceta gostosa carnuda magrela ficou encavalada na pica do negsoCasa dos contos eroticos katia minha esposabuctao tod c gazandvídeo de 2 minutos novinhas gostosas galeguinha f****** gostoso e caminho de casacontos eróticos do irmao comeu a irma depois casamentoxvidio flutuando de minisaiaesposa buceta escorrendo camisinha estoura cabine erotica corno narrabucetadaoliviaWxvidio comedo di ciucontos eróticos d alguém q adorava ser molestatio empurra pau enorme na sobrinha que nao aguenta dez empurrada e goza de esguicharconto erótico paciente lactantecontos pornôs mulheres lindas super gostosas que seus maridos liberaram para dar para seus amigos que tem paus bem grandes maior do que os deles elas adoramquero ver lindas travestis entrando em enormes rolas ate gozarem nelas videos boas fidasconto lavador de carro pauzudoquero ver vídeo pornô escroto carreteirocontos eroticos carcereiro tarado/estuprado no presídiobiba boqueteras pornoporno gratis xvideos pai abriucaminho.pro.filho