Black Piroca 3 - Paty devoradora

Um conto erótico de Narrador
Categoria: Heterossexual
Data: 20/07/2019 23:47:58
Última revisão: 20/09/2019 10:07:34
Nota -

Loira, olho azul, corpo perfeito, terminando faculdade, carro dado pelo papai...

Natália era o sonho de qualquer maloca.

Mas ela era exigente! Não pegava qualquer mané. Ela gostava de preto. Branco com ela não tinha vez. Tinha tara por pretos.

Mas nem sempre foi assim. Ela até namorou um branco, mas sua amiga Tati a levou em um baile funk.

Lá ela conheceu o Fabinho, um preto bonito de rosto e dono de um corpo perfeito.

O chifre rolou solto, e o preto deu nela uma surra de rola que a deixou louca.

No meio dos beijos e amassos, ele foi com ela até o estacionamento, onde ela havia deixado seu carro. Ele a encostou no carro, abriu suas calças e meteu nela ali mesmo.

Foi uma metida gostosa. Ele tinha uma rola grossa e sabia meter. Fodia muito melhor que o namoradinho corno. Ela gozou, mas o preto continuou metendo até ela gozar outra vez, ainda mais forte. Quando ele gozou nela, ela quase desmaiou de tesão.

Ela deu um belo de um pé-na-bunda do namorado corno. O preto era muito mais gostoso.

Ela passou a ir todo fim de semana ao funk, só para dar gostoso para aquele preto.

As amigas ficaram chocadas. Largar o Gustavo, filho de promotor, para namorar um malandro? Mas, como dizem: amor de pica, bate e fica!

Ela cansou de pagar boquete para ele, e ele perdeu a conta de quantas vezes encheu a buceta dela de porra.

Mas o Fabinho era muito safado e muitas vezes deixava ela de lado para ficar com uma tal Carlinha. Quando ela reclamou com ele, a resposta foi direta:

- Se não tá satisfeita, volta pro seu namoradinho corno.

Ela voltou com o namorado, que era louco por ela. Mas continuou indo com Tati no funk.

Então Tati apresentou para ela um outro preto: Alan.

Alan não era grandão e musculoso como Fabinho, mas tinha um corpo bem gostoso também. Ele tinha uma pele muito escura e um cabelo crespo curtinho. Era até feinho de rosto, mas era bem gostosinho.

Alan, também comia a tal Carlinha, e também a Tati. Natália então entendeu que ali, ninguém tinha dono e todo mundo se pegava. Então, decidiu que ia mesmo é se divertir.

Alan era bem mais safado que o Fabinho. Ele chupava um buceta como ninguém.

Alan não era dotadão como Fabinho, mas sabia usar a língua e o pau como ninguém.

Ela passou a ir na casa dele, apesar de a mãe dele ficar um pouco irritada. Só que as outras meninas também iam lá, então, a velha que se conformasse, pois as trepadas com ele valiam a pena. Mesmo a perseguição do namorado por causa dos perdidos que ela dava nele, não a impediam de visitar o Alan.

A mãe dele era diarista e um dia pegou um final de semana inteiro para cuidar de uma senhora em um bairro do outro lado da cidade. Perfeito para que ela passasse o domingo todinho na casa dele.

Ela chegou umas 8 horas e ficaram de amassos por mais de uma hora no sofá da sala. Alan, então levou ela para o quarto. Colocou um filme pornô e deitou pelado na cama. Ela deitou também.

- Vai ficar de roupa?

Ela riu, e também ficou pelada. Ele olhou aquele corpo. Pele bem clarinha, que onde ele apertava ficava marca vermelha. Peitinhos lindos, nem pequeno, nem grande, perfeito. Dois pernão e uma bunda que não era brincadeira.

Eles ficaram assistindo o filme. Seu pau foi latejando de vontade. Ela deitada meio de lado e ele olhou aquela bunda.

- Você já deu o cú?

Na tela, um cara revezava o pau no cú de duas mulheres.

- Eu não!

- Tem coragem?

- Você já comeu o cú de quem?

- Eu? Nunca fiz com ninguém. Mas olha lá! O cara tá metendo nas duas.

Eles ficaram vendo a cena. Ele puxou Natália e pegou na bunda dela.

- Eu comia essa bunda, hem? Bunda gostosa!

Ele colocou ela de quatro e beijou a bunda dela. Depois imitou o filme, e meteu a língua no cú dela.

- Ai, seu safado! - mas empinou mais a bunda.

- Cara, você tem uma bunda gostosa do caralho!

Ele meteu a língua no cú e ela empinou a bunda e rebolou na cara dele.

O pau dele estava estourando de duro. Ele ficou de joelho atrás dela, e meteu.

- Filho da puta! Devagar!

Ele meteu aos poucos, até ela aguentar. Depois ele meteu mais forte, e ela mordeu o travesseiro, urrando de dor e prazer.

Ele meteu segurando a cintura dela e ela rebolava desesperada.

Ele acabou gozando dentro dela.

- Caralho! - gritou ele.

- Preto safado! Sem-vergonha! Você quase me rasgou no meio!

- Vai se fuder! Você gostou.

E gostou mesmo. Depois daquele dia, ele comeu tanto o cú dela que quase esfolou o pau. E ela parecia ter nascido com uma bunda feita para aquilo.

Alan comeu o cú da Carlinha também, no dia que ela tirou o cabaço do Daniel. Mas a Natália era a melhor de todas dando o cuzinho.

Ela deu a bunda para ele por quase um ano. Mas um dia falou que não ia mais aparecer nem nos bailes, nem na casa dele, porque ia casar.

Ele não comeu mais ela, mas o Fabinho jurava que comeu ela ainda umas duas vezes depois de casada.

Ele não acreditou, mas um tempo depois encontrou ela divorciada e com um bebezinho mulato no colo. O Fabinho devia ser o pai, então. Ela negou, desconversou e foi embora. Nunca mais ele viu a Natália, mas nunca mais esqueceu aquela bunda.

Aquela sim, era uma Paty devoradora.

Devorava uma rola com o cú, como nenhuma outra!


Este conto recebeu 0 estrelas
Estamos testando um novo formato de votação. O ranqueamento será feito não mais pela média, mas apenas pela soma das notas oferecidas. As notas também serão apenas de uma, duas ou três estrelas. Isso deve evitar que haja quedas repentinas do ranking por conta de ataques por alguém que queira manipular os resultados. Se tiverem dúvidas, .

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.

Online porn video at mobile phone


porno olhei peguei chupeizoofilia morena dos desejos anunciofazendeiro malvado mundobichaas novinhas andado de xotinho dinscachorro do nozão trelado no cu da gostosacontoseroticocasadasx vidio comtos eroticos flaguei mamãe econtos erotico de casadas traindo ele e cupado.conto erótico Fui obrigado a violentar minha filhaconto erotico gay vovo deu leite pro netinhoContos negao arrombou minha esposa na minha frenteeu quero ver uma mulher virgem sendo e******** pelo seu cunhado ela topadaensinei a minha enteada a chupar de finalzinho hoje come elagemendo e gozando gostosas espirrar esperma longe. porno atitudiconto gay virei namorado do tio viuvoElda dando o cú gostosoContos gangbang com tios e primosXvideos novinas da bunda garnde 20 anospau groso egosanoxxvideos lariha do briquito de eguabai uma punheta olhando minha sobrinha na praiaContos eroticos minha esposa na praia de nudismoconto novinha marrenta estrupada pelo irmaosquero ver vidio de homen caralhudo se depilando o sacoContos eroticos caguei no pau dando o cuzinhobemdotadoobesaxisvido irma de toalhacontos eroticos casal com prostitutabaixa vídeo porno molhes ñ quenta rolar ir choragay dançando com sunga do Paysanducontos eiroticos leilapornx video coletania de gozadas de brucuscoroas. de shortinho mostrando os. beicinhos. da chanaporno mae e filha oubrigada pagar agiotaconto porno gay. bullyingcontos eroticos feita de cadela pelo pai a forçaFui encoxada e iniciada por um roludosexo no onibus com filha contos pornoxisvidio amadores de auguen metendo a forçacontos gay fe feminizaçao forçadacontos picantes de amor gaysmulherez de anjinho capetinha e de calcinha vermelhacontos eiroticos leilaporncontos eiroticos leilapornruıva se mastu e goża muitoconto erotico punheta meu irmaomachos suvacos e salivasver uma superpica estourando as pregas da travesty virjemcontos eroticos de esposa putabuceta vigui na netrelatos eróticos porca nojentacoroas gordinhas casadas que treparam fora do casamento/relatos sexuaisporno mae ffode com filho no banheroMulheres na siririca dentro do carro e morador de rua olhando no pornodoidobaiana lavano a bucetonaO dia q virei cdzinhasua tia nao aguenta esse pirocao contoscontos porno scat lesbicocontos erotico tarado sequestrador fudendo nifeta filha de bacanaquero ver mulher de vestido curtinho mostrando o bumbum fazendo movimentona camaContos eroticos me vinguei da minha esposa e comi dois cuzinho finalcumeu a buseta da novinha qe nuca tinga metidosexo conto de cunhado comendo a cunhada a força fodendo estrupando ler contos.flagras escolas picanteporno gratis xvideos pai abriucaminho.pro.filhomeninos novínhos gays tomano banho de cueca bracacontos erotico curvada frente namoradocontos eiroticos leilapornas maluquinhas bedada gozando muito filme pornox video caralhomuitogrande mulher não aguentocomendo duas verdinhas muito deliciosa dos busão sexo e do r**** e dos peitãocontos eroticos gauchinha FloripaConto no interior vi mamae pelada ela disse vou te capa cacetudocontos de coroas iperdotados comendo comadres e afilhadas