Marido corno, esposa liberada

Um conto erótico de Richard Vale
Categoria: Heterossexual
Data: 11/07/2019 12:52:17
Nota 10.00

Olá, meu nome é Bianca, tenho 23 anos, rostinho de menininha (ninfeta), corpinho e atitude de putinha. Meus seios são durinhos, com mamilos rosados, pele bem branquinha mas conservando a marquinha de biquíni. Meus cabelos são lisos, loiros e compridos. Minha bucetinha está sempre raspidinha, o que deixa os homens mais loucos.

Me casei há exatos três anos com o James, 58 anos, viúvo e sem filhos. Meu marido é estéril e mesmo que não fosse, duvido que conseguiria fertilizar alguma mulher. Seu pênis tem praticamente três dedos, quase 6,5 centímetros. Poderia chegar a 7 cm, se tivesse uma completa ereção. Está sempre meia bomba, ou melhor dizendo....”meia bombinha”...rs. Chegamos a nos divertir com isto, levando no bom humor. Muitas vezes, eu gosto de brincar com o pintinho dele, cutucando com algum objeto. Já usei até uma régua para dar tapinhas em seu bilauzinho. Adoro judiar do meu maridinho, ainda mais com ele curtindo. James carrega, além da idade, um sobrepeso que dificulta muito sua performance em tudo, principalmente no sexo. Também não é muito bonito.

Aí vocês devem estar pensando: O que eu estou fazendo, ficando com um homem bem mais velho do que eu, de pinto pequeno e broxa?

A resposta é simples: James tem muito dinheiro e o mais importante, é liberal. Sim, meu marido é um corninho manso. Fazemos o casal Cuckold e Hotwife. Em três anos, já botei vários chifres na cabeça dele, com o seu consentimento. Quando nos conhecemos, ele já sabia que nossa vida seria assim, pois seu pinto nunca me satisfaria. Ele entende sua posição e adora ser traído. Se excita muito, em saber que sua mulherzinha é a putinha dos machos.

Atualmente estou com um fixo com quem saio frequentemente, enquanto James fica me esperando em casa, bem quietinho. Meu marido está feliz, já que não me arrisco muito, dando pra quem não conhecemos direito. Antes dava pra muitos e agora dou muito, pra um só. Eu estava assim, saindo direto com duas amigas de balada, que sabiam da cornitude do maridinho, e acabava sempre no quarto de um motel com algum gatinho. Levava rola a noite toda e de manhã, voltava pra casa afim de receber os cuidados do corno.

Com o Roberto, dei um fim nessas galinhagens. Às vezes, meu namorado vem pra passar o final de semana conosco e acaba dormindo comigo, na minha cama. Quando isto acontece, o chifrudo dorme no sofá. Enquanto transamos, James costuma ficar de pé ao nosso lado, observando sua esposinha meter com um pauzudo, de 28 cm e bem grosso. A cabeça da rola do Ro parece um cogumelo gigante, que entra rasgando. Eu estou apaixonada por ele e meu marido sabe disto. Ele quer ver a minha felicidade, então permite que outro homem faça o que ele não é capaz. Outra coisa que me fascina, no meu namorado, é a sua virilidade e poder de fogo. Ele sempre tá de pica dura e quando goza, é um mar de porra. Cada golfada que ele dá, parece ondas vindo em minha direção, e olha que são muitas...rs. Quando ele resolve despejar em cima de mim, tomo aquele banho de leite quente, que cobre todo meu corpo e rosto. Já dentro, fico toda lavada, chegando a vazar por horas depois do coito. Às vezes preciso até usar absorvente. Quando ele está mais tarado ainda e resolve me dar leitinho pra beber, me sinto alimentada, engolindo toda aquela gala grossa. Meu estômago chega a pesar, pois não desperdiço uma gota 😋. Com o meu amante, me sinto uma verdadeira fêmea, puta e realizada.

James me confessou que muitas vezes, rola uma inveja e um pouco de ciúmes. Ele queria ter um pouco mais de pinto pra voltar a fazer amor comigo, mas como isto é impossível, ele se contenta só em olhar e se masturbar. Falando em punheta, é hilário ver James se tocando. Sua mão cobre todo o pinto, não sobrando nada pra fora. Ao contrário, falta pinto na mão...rs. Quando ele goza, é aquela coisa mirradinha, que só serve pra melar os dedos. É uma coisa estranha, sem cor nem textura, totalmente rala. Nem chega a cair no chão e muito menos espirra pra frente. Impotência pura!

Depois que James acaba de se masturbar, ele é convidado a ficar quietinho no canto do quarto, enquanto continuamos e trepar. Depois de horas levando pirocada do macho, gozando muito em todas as posições, recebo o meu prêmio maior, um banho de esperma, digno de um alfa. Aí peço para meu corno limpar a bagunça. Ele vem até mim e lambe todo o meu corpo, minha bucetinha e onde mais tem sinal de porra. Ele adora sentir o esperma do meu amante em sua boca. Ele diz que é a prova do amor que ele sente por mim. Meu marido não é um fofo?

Enquanto ele chupa minha xoxotinha, toda usada e abusada pelo macho, desorganizada, esculachada, inchada e vermelha, fico passando a mão na sua testa, simulando carinho no chifre. Não poupo elogios, dizendo que ele é e será para sempre, meu corninho manso, frouxo, broxa, submisso, impotente, com pintinho de nenê. Ele, quando ouve tudo isso, chega a pirar de emoção e chora, dizendo que eu sou o amor da vida dele, me agradecendo por tudo. Sou a mulher que ele sempre sonhou, que o entende, respeita e o aceita do jeitinho que ele é. Pronto.....assim estamos todos felizes!

Depois que ele chupa tudo, vem me dar um beijo com a boca toda melada. Roberto vai para o banho e fico ali com o corninho, em nosso momento de cumplicidade e juras de amor. Quando Roberto chega do banheiro, mandamos James sair do quarto e ir para o sofá da sala. Após trancarmos a porta, para não sermos incomodados, vou para o meu banho na certeza que a noite de Sábado só tá começando, e vou levar surra de pica madrugada a fora. Capricho na higiene da perereca, colocando ela em ordem. Quando volto para o quarto, vejo uma das coisas mais lindas, um homem de verdade, alfa, totalmente nu, lindo, másculo, deitado bem a vontade na minha cama de casal, onde pelos conceitos da sociedade deveria estar meu marido. Vejo toda aquela virilidade exalando um perfume de sexo no ar, com aquela tora toda dura e apontada pra cima. Não aguento e corro ao seu encontro, já caindo de boca na pica. Chupo aquilo sem pudor, demostrando meu amor, deixando ele todo babado. Fico um bom tempo mamando, enquanto olho para ele com o seu pau na minha boca, parecendo uma bezerrinha com fome. Os homens adoram isto, lhes dando a certeza de que são os donos da situação e que a puta está aos seus pés.

Fico à noite toda gemendo e gritando, levando rola de quatro, de lado, frango assado, por cima quicando na pica, de pé apoiando as mãos na parede, entre outras posições.

Na intenção de mexer com James, grito bem alto pedindo para que meu macho faça seu trabalho. São termos como: - Fode sua puta com força, soca tudo, mete na esposa do corno, não tenha dó dessa buceta que o manso cuida depois, judia de mim, me bata, acaba comigo. Roberto atendia todos os meus apelos. Enquanto ele me esfolava, metia a mão na minha cara, castigando também a minha bunda, deixando marcas da sua mão grande e pesada, em mim. Adoro quando o macho me bate, pois como dizem, puta tem que apanhar, ainda mais se for uma casadinha vagabunda como eu.

Tinha certeza de que meu maridinho tava ouvindo tudo, pois tinha uma sombra por de baixo da porta. Ele devia tá com o ouvido colado, enquanto batia sua punhetinha ridícula, no seu papel de corno. Homem de verdade não precisa se masturbar, pois sempre tem uma mulher pra fazer isto pra ele, e até mais para vê-lo gozar. Já o frouxo, tem que usar sua própria mão para se satisfazer.......rs.

Meu amante gozou varias vezes, durante a noite. Na maioria delas, dentro de mim. Fomos dormir às 5h da manhã e quando acordamos às 11h, meu esposo nos ofereceu um reforçado café da manhã. Tinha de tudo, até gemada para o macho, pra recompor as energias.....rs. Isto que é corno prestativo. Depois do café, devolvemos o presente para o meu marido, o deixando ver nossa transa matinal, com direito a gozo interno que o manso absorveu. Era praticamente seu dejejum, tomando leite de macho.

E assim tem sido nossa vida. Agora, Roberto está passando uma temporada conosco. Ficará 1 ano morando em casa, para reformar seu apartamento. Ele está sem pressa...rs. Então, tirei as roupas de James do armário e as deixei num quartinho de bagunça, que temos no fundo da casa. É lá, que ele dormirá durante esse tempo. Assim ele não nos atrapalha, quando for sair cedo para trabalhar. Meu namorado é personal trainer e não tem horário fixo. Mesmo assim, James pediu a ele pra dispensar suas aulas no período da manhã, pagando seus honorários, só para ele me fazer companhia. Eu estou realizada, tendo todos os dias um HOMEM na minha cama. Dispensei até minha empregada, já que ela não entenderia toda essa nossa nova rotina. Contratei uma faxineira, uma vez por semana. O resto dos dias, James que organiza tudo quando chega do trabalho. Lava e passa toda nossa roupa, inclusive a do Roberto. É muito excitante vê-lo lavar as cuecas do macho que me fode. A cozinha também é sua tarefa, pois ele tem dons culinários. James faz tudo isto com muito gosto, já que adora ser um corninho manso. Eu só tive que diminuir suas masturbações, pois estava atrapalhando seu trabalho, assim como suas tarefas domésticas. Pra isto, eu o coloquei num dispositivo de castidade. Assim, ele não consegue se tocar e foca seu tempo no que realmente tem que fazer. Eu o libero uma vez por semana, se durante esse período ele for um bom menino. São apenas duas horas, então ele aproveita para por seus orgasmos em dia. Depois que comecei a controlar sua pouca masculinidade, James ficou mais servil. Bem que dizem, homens castrados ficam mais mansos......rs. No caso do meu nem era necessário, mas confesso que melhorou ainda mais. Agora ele vem falando, sobre pedir para o Roberto deixar todas as aulas. Ele cobrirá todos os gastos da obra e pagará o salário que o meu namorado ganha. Além disto, nos dará uma viagem, de lua de mel, a cada dois meses. Olha que maridinho bonzinho e compreensível eu tenho. Da pra não amar, um corninho desse?

Beijos 😘

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
12/07/2019 06:32:34
Eu e minha amada estamos a caminho, embora ELA não quer o comedor morando conosco... pena!
VIC
11/07/2019 19:18:55
que relação deliciosa do casal...parabéns amiga
11/07/2019 15:35:34
hilario !!!! muito exargeradoooo
11/07/2019 13:59:15
Gostei do conto, maravilhoso e excitante. Pintinho pequeno e broxinha do marido? Huuummmm, eu já vi esse filme... rsrsrs Conta mais das suas peripécias e do seu corninho. Bj do
11/07/2019 13:13:56
Realmente aproveita sua danadinha.... acertou na loteria...nota 10

Online porn video at mobile phone


corno veno esposa dano cu e falano que nao guenta pornodoidogueyzinho gracinha arrebentei cuzinho delevideo chupando buseta dormindo de minha filha prezar que irmao prende na brincadeiramulher chupa gostoso com o dente encavalado pornocontos eróticos as amiguinhasXVídeos mulheres pratinho bem curtinho socado na bunda mostrando a bundagey fazendo fime porno com homem infindo garrafas no geyconto gay ele se revoltou e tomou todasImagens de homens lascando as caldinhas das mulheres na hora do sexorelatos eróticos determinada por um negão roludoincesto com meu vô contosamenina nao agetou opau donegraovideo porno com muito beijo na boca de tirar o folego muita chupada na buceta fazendo gozar na lingua de tanto prazer puchao de cabelo sexo com pegada forte e brutaQUEGOZADA A FILHA FA NA PICApai pegou eu e meu irmao gay no sexo e entrol no sexoxvideos clube das mulheres subindodo escadacorno chama andarillo para comer sua muller pornovideos de mulher predendo avirgidagem com o namoerado apaixonadosfotos de mulheres transando ate gozar que a mulher tranzo com o patrao e com o motorista rubiaebetovidi o porno hone trezeno com eguhaContosmulherbebadacontos eiroticos leilapornmorena d********* de ladinho atropeladaTravesti fodi com cinco garotos ate cagarxvideo as novnhia da buceta carnuda www.casadoscontos.com.br.texto-o doce nas suas veias (Capitulo 6)putas gostosa sexo filho come mãeescondobaixar vídeo das negras de 1413 anos de 12 perdendo a virgindadecasos amad chama irm pra bate ponheta e gosa favela cariocafui abusado quando era adolecente, nao saou gay, mas me ecxito com porno gaycontos eroticos eu e meu amigo batemos uma punheta bem gostosacontos eróticos gays cracudocontos erótico transei com minha sogratitia gostosa peituda bate punheta enquanto o sobrinho novo lhe aperta as mamas peitudas xvideos putas fazendo sexo com cavalos rasgando avagina sangrarsoquei a rola na sogra contoputa tomando gozada na bunda com a calcinha abaixadaquero ver um pauzudo de 70cm pegando uma casada e fazendo ela gritar e gemer e gozando pelas pernasfilme de pornô mulher se masturbando e metendo a mão quero ver o filme agora filme quero ver agora filme de pornô metendo a mão aguardando né tá na mão transando ela se masturbandocontos eiroticos leilapornconto erotico fudendo fudendo uma velha feia e fedidaamulher .que cachorro arrebento. abuceta dela com....um . nogostosas não aguento melo pau de merdanovos Contos erodicos de tulabêbada contos eróticosgay chupando no rancho de pescariaQuilombola comendo gay conto eroticovideocurtomagrinha e roludoThaiana xvideos sabiaPriscila soca vibrado na bucetacontos tia dando o cu pro sobrinhomorena rabuda foi tomar engesao e se esfregou no medicoconto erotico com treinador velho coroaseduzir a cunhada dentro de casaele a enrabala e ela a cagar.se pornoler contos eroticos menagexsvideo Historias e relatos reais esposa pega marido dando o cu pro negraofoto sexy casera ha 1minut no zapCANTOS EROTICOS DE ZELADOR PIROCUDO COM MORADORA DO CONDOMINIOpegei miha esposa transando com nosso cachorrocontos eroticos madura gosto de foder com caralhudoscontos eroticos de encoxadaLuana da nova temporada do quadro rola ou enrola em porno contos eroticos de mulher fazendeirajorjao roludo porno video assistir porno de neta dormindo e sendo acordada com lingada na boceta e peitoxxvideo amsiadachupando o cassetao do viado gay dos peitaoxvideocoroajapaVirei viadinho ainda novinhovideos pornos gratis mae pede pra filho traser a toalha e filho nao perdoawww.casadoscontos-O doce nas suas veiasmenina joga poloaquatico pra ser encoxadagostosas não aguento melo pau de merdamãe e filha fudendo com travesti de calcinhapadrasto de pau enormi e groso enfiando na bucetinha da enteada novinha ebeija e goza na boca delacontos eroticos de traição no escurinhocontos eroticos mamãe submissa, dominada pela filha novinhawwwx video com desmrcado comendo anamporno mae gotosa madura sedente de amor ai pirocaocontos eroticos filha 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9 aninhosfilme amiga convida amiga para funder com seu sogrocontos eroticos de mulheres evangelicas que adoram provocarA buceta da minha mãe Reginacontos eroticos com maconheiromae. gosa pau fillho sentadasem calcinha contosconto erotico menino manhosochilli xvídiominha sogra e esposa no canil fodeno com todos cachorro grande conto eroticoitu comendo a sobrinha ansl