Quando a paixão cega a razão 23

Um conto erótico de Porteiro solitário
Categoria: Homossexual
Data: 11/07/2019 03:05:28
Nota 9.67

Os meses se passaram, nós em harmonia e paz, convivendo com nossas diferenças, porém felizes.

O casamento de Leonardo estava próximo, sempre achei que minha ex era chata para comprar um calçado, ela rodava o shopping umas três vezes para encontrar o que ela gostava, só que Mário é muito pior que minha ex,não rodamos três vezes o shopping, rodamos três vezes, três shoppings para ele achar um sapato que ele usaria no casamento, eu já não aguentava mais.

Enfim chegou o dia do casamento de Leonardo, eu estava nervoso, porém Mário estava pior, não conseguia dar o nó da gravata, e ele tinha que me deixar na igreja e ir buscar meu filho, mas enfim tudo deu certo, não é porque sou casado com ele, mas Mário estava lindo no altar, vestido todo de preto, pois era assim a roupa dos padrinhos, ele se destacava dos demais.

A cerimônia foi linda,simples porem linda, depois fomos para a festa, vi muita gente perguntar porque Leonardo entrou com Mário e não comigo na igreja, para todos Leonardo dava a mesma resposta, que Mário era um grande amigo dele e ele fez questão de Mário levar ele até o altar, na festa descobri que Mário era um belo dançarino,até minha ex tirou ele para dançar,saímos da festa quase no final, Mário tinha um presente para os noivos, deu para eles a viagem completa de lua de mel, com passagens e hospedagens pagas, tanto Leonardo como sua esposa, agradeceram bastante pelo presente, nos despedimos e fomos embora.

_ Ufa, enfim casa, não aguento mais ficar com essa roupa.

_ Eu também, meus pés estão latejando.

_ Também, dançou quase a festa toda,não sabia que casei com um bailarino.

_ Só não dancei com vc meu querido.

_ Sorte sua, se não seus pés estariam inchados de tanto eu pisar, dança nunca foi meu forte, até tentei aprender, mas não teve jeito.

_ Mas vc dança sim, e como dança bem, remechendo essa bunda,pôde ir tomar banho, vou ficar aqui deitado um pouco, hoje foi exaustivo o dia.

_ Foi mesmo, mas pela felicidade do meu filho, valeu a pena todo esse cansasso.

_ Isso sem dúvidas.

_ Semana que vem, tem a despedida do Leandro,outra sessão de choradeira.

_ Bom que essa choradeira é por alegrias, então vale a pena derramar um pouco de lágrimas.

Terminei meu banho, depois ele foi, e dormimos, estávamos exaustos, a semana correu perfeita, chegou o dia da despedida do Leandro, fizemos um almoço com nós e alguns amigos dele, Leandro viajaria na madrugada do dia seguinte, eu levaria ele ao aeroporto,então fomos embora para mais tarde ir busca_lo, foi todos, eu e o Mário, minha ex com Leonardo e sua esposa, mais uma sessão de choradeira na despedida, ficamos até o avião decolar, na volta paramos para tomar um café, depois cada um seguiu seu caminho.

_ Meu moleque criou asas, tô com sensação que ele não volta mais.

_ Ele tá construindo a vida dele Fábio, se for melhor ele ficar por lá, vcs têm que aceitar e dar apoio.

_ Com certeza lindo, é que ver um filho partindo, deixa um vazio, mesmo que seja para o melhor para ele.

_ Eu entendo vc, mas se ele resolver ficar por lá, a gente vai visitar ele, aí vcs matam a saudade.

_ Isso com certeza, não vou aguentar ficar muito tempo sem ver meu moleque, e a mãe dele também.

_ Pronto, quando formos, ela também vai, tá resolvido.

Chegamos em casa, descansamos um pouco, a noite demos uma saída, Mário tinha marcado com uns amigos de se encontrar num bar,depois combinamos desses amigos irem em casa no outro final de semana para almoçar com a gente,não tinha que reclamar da minha vida com o Mário,tínhamos nossas discussões, mas nada que não ficasse sentimento um com o outro, o almoço com os amigos foi muito bom, muita conversa e risada o dia todo, à tão esperada aposentadoria dele saiu, o pessoal da agência que ele trabalhava fez uma linda surpresa para ele de despedida.

_ Agora, só sombra e água fresca meu querido, nada de acordar cedo, hora marcada, reuniões,quero aproveitar o máximo minha aposentadoria com vc.

_ Até que enfim lindo, vc merece descansar bastante, sei bem como é o que vc tá falando, também passei por tudo isso,quando saiu a minha, falei igual vc.

_ Agora só vou planejar o meu dinheiro, fazer render mais para poder usar sem me preocupar.

Estávamos conversando quando meu celular toca, era a mãe do Ed, deixei no viva vóz para Mário ouvir a conversa.

_ Oi Fábio, desculpa incomodar vc.

_ Imagina, não é incômodo nenhum, pôde falar.

_ Fico sem graça, mas não tenho outra pessoa para falar.

_ Então fale, estou ouvindo.

_ É que com o Ed na cadeia, estamos passando por dificuldades, meu velho recebe um salário mínimo,mal da para o gasto de casa, nossa família mora tudo no norte, os parentes de segundo grau que mora aqui era um pouco afastado da gente, e depois que ficaram sabendo que o Ed está preso, se afastaram de vez, nem atende minhas ligações,não quero dinheiro seu, queria saber se vc não sabe de alguma pessoa que precise de uma doméstica para indicar eu.

_ Poxa não sei no momento, mas assim que souber eu ligo para você.

_ Te agradeço de coração, muito obrigado.

Antes dela desligar, Mário mandou pegar o endereço dela, anotei depois desligamos.

_ Para que vc pediu o endereço dela?

_ Ed sempre me falou que ele sustentava seus pais, agora ele preso, quem vai ajudar esses coitados, o filho da puta fez merda e levou os pais juntos, vamos ver o que dá para fazer por eles.

No dia seguinte, fomos até o endereço, era num bairro bom, a casa boa também, só precisava de uma reforma, assim que chegamos, vimos ela no quintal, quando nos viu ficou toda sem graça,convidando a gente para entrar.

_ Bom dia, viemos aqui para ver como podemos ajudar vc e seu marido.

_ Não precisava se preocupar, a gente tá se virando aqui.

_ Vamos no mercado com a gente.

Ela disse que não precisava, mas Mário insistiu, deu para perceber que ela estava com vergonha, mas acabou aceitando,no mercado fizemos uma boa compra com tudo que ela precisava, mesmo ela dizendo que estava bom, para não comprar muita coisa,colocamos tudo no carro e voltamos para casa dela, e lá tivemos outra conversa.

_ Conheço o Ed, à mais tempo que o Fábio, infelizmente ele seguiu caminho errado e tá pagando por isso, e vcs também, Ed sempre me falou que ele sustentava vcs, só que agora tanto preso não tem como fazer isso, nós dois vamos ajudar vcs todo mês, vindo trazer uma compra para vcs,esse é o único meio de ajudar.

Ela chorava,e ao mesmo tempo agradecia, foi de cortar o coração vendo aquela senhora sofrendo por causa do filho sem juízo,nos despedimos e fomos embora, tristes por ver uma mãe sofrendo, chegamos em casa arrasados.

Mantemos o compromisso, e todos os meses levamos a compra para ela, no seu aniversário, levamos ela e o marido para almoçar fora, compramos presentes, acabamos pegando um grande carinho por eles.

O tempo passou, meu neto nasceu, Leandro como eu já sabia, se deu bem lá fora e resolveu morar lá, passados quase dois anos que Ed estava preso, bateram palmas em nosso portão.

_ Tá esperando alguém?

_ Eu não, vou ver quem é meu querido.

_ Vc aqui não cara, vai embora por favor, deixa a gente em paz cara.

Não poderia ser, Ed outra vez atrás de nós.

_ Vim em paz, preciso falar com vcs, por favor, deixa eu entrar ou então falem comigo aqui mesmo na calçada.

_ Tudo bem cara, vou abrir o portão.

Mario abriu o portão, quando Ed entrou não acreditei no que vi, aquele homem bonito, corpo atlético, estava acabado, magro aparência cansada, aparentava estar doente.

_ Senta aí, e fala que vc tem para falar.

_ Sei que fiz merda, atrapalhei muito vcs,mas vim aqui para agradecer tudo que estam fazendo pelos meus pais, quando toda família virou as costas por minha causa, vcs apareceram para ajudar eles, essa vai ser uma dívida que nunca vou poder pagar para vcs.

_ Paga ela, mudando de vida agora que vc tá livre, que passou o que passou na cadeia, paga ela ajudando seus pais que são pessoas maravilhosas, honestas,sei que vai ser difícil, mas volta ser o cara que vc era quando a gente se conheceu, saí dessa vida de drogas, arrume alguém e respeite esse alguém quando vc arrumar, é isso que vc têm que fazer Ed, confesso que vc fez eu odiar vc por tudo que vc fez ao Fábio,mas desejo de verdade que vc consiga vencer novamente na vida.

Ed ouvia Mário, com a cabeça baixa e chorando.

_ Vcs foram meus únicos amigos verdadeiro que eu tive, e infelizmente consegui perder a amizade de vcs, os outros eram só amigos de foda e de pó, não vou pedir a amizade de vcs novamente, até porque depois do que eu fiz não mereço isso, mas acreditem, vcs serão para mim sempre meus melhores amigos,agora deixa eu ir, se não minha mãe vai ficar preocupada, falei que não ia demorar.

_ Vc já cumpriu sua pena?

_ Não, estou em liberdade assistida, vou cumprir o restante solto.

_ Então se cuida cara, foge dos amigos de pó como vc falou, faça tudo para não entrar em roubada outra vez, pense em seus pais, eles só tem vc, e vc só tem eles,e a gente vai continuar ajudando todo mês com a compra.

Eu não conseguia dizer nada, só olhava sem acreditar que aquele era o Ed, estava com um nó na garganta segurando para não chorar, nó esseque foi desfeito quando ele se levantou para ir embora e pediu um abraço de nós dois, Mário também estava se segurando, quando abracei o Ed, não consegui segurar e comecei chorar junto com ele,Mário também chorou.

_ Obrigado por tudo que vc me fez ursao, me perdoe por tudo que fiz para vc e para o Mário.

_ Te perdoo sim Ed, se cuida rapaz, vc é novo, ainda da tempo de recuperar tudo.

Ele foi embora.

_ Nossa Fábio, é outra pessoa, não é o Ed.

_ Acabado, magro, aparência de doente.

_ Não sei porque, mas senti que ele foi verdadeiro.

_ Eu também senti lindo, espero que ele lembre de tudo que vc falou.

_ Assim espero, tem que ser muito idiota para aprontar outra vez.

Essa foi a última vez que vimos Ed, a gente levava a compra na sua casa, porém ele nunca estava, sua mãe nos falou que ele tinha conseguido um emprego numa transportadora e viajava muito.

Eu e Mário felizes e realizados, viajamos para visitar meu filho,aproveitamos e fomos conhecer um pouco da Europa,minha ex arrumou um coroa, indo morar com ele e deixando a casa para o Leonardo.

Hoje eu e Mário comemorarmos três decadas juntos, velhos porem felizes, quanto ao Ed, a última notícia que tivemos, é que cumpriu a pena, que no trabalho conheceu um caminhoneiro e foi morar com ele,sua mãe infelizmente faleceu e um ano depois seu pai também, nunca mais tivemos notícias ou vimos ele.

Enfim, depois de muitos trancos e barrancos a vida tratou de acertar tudo como deveria ser.

Obrigado à todos comentários, tanto elogios como as críticas, e logo terá mais conto para vcs lerem e comentarem.

Abraço para todos do porteiro solitário.

FIM.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
12/07/2019 10:36:24
Sou passivo tenho 52 anos Estou a procura de um companheiro ativo Pra mora junto, não curto versátil ativo E você... ou quem mora na ZS de São Paulo Email Skype eddie
12/07/2019 08:59:24
Digno esse final. E a vida continua no eixo quando o amor é mola mestra... Parabéns Porteiro Solitário.
12/07/2019 07:34:06
Demais como sempre pena já ter acabado
11/07/2019 08:50:20
QUE FINAL DELICIOSO
11/07/2019 03:37:15
UM FINAL COM REDENÇÃO. INTERESSANTE APESAR DE NÃO TER ACREDITADO NAS PALAVRAS DO ED. NÃO CONSIGO PERDOAR. RSSSSSSSSSSSSSSS MAS VOCÊS PARECE QUE SIM. TB ACHO QUE VOCÊS NÃO DEVERIAM TER AJUDADO A FAMÍLIA DO ED. MAS CREIO QUE FIZERAM BEM. A CONSCIÊNCIA DEVE ESTAR TRANQUILA. PARABÉNS. FOI UM CAPÍTULO CURTO PARA UM FINAL. CORRIDO UM POUCO.

Online porn video at mobile phone


fudi com meus alunos contos eroticosnovinha deixa pirocudo gozar dentrodabucetascontoerotico eu namorada mae e tiomostre video de mulher deixando menino pegar na buceta dela por baixo do brstido xvideo contrata negao pra alisa mais esgorega e entraxxxvideo mulhe choradu tiradu avigidadixvidio mulhe casada coroa fudeno na hora do futibol brasileroprensada no colchão porncontos eroticos caçacontos eiroticos leilaporngostaria de ver vídeo de mulher dá bunda grande lavando a calçada de microshortcontos picantes de amor gaysmenor chora com dotadoxvidioconto de tio viu a sobrinha peidando e ficou com muito tesao no cu da sobrinhacontos eroticos tirei a virgindade do meu ermao bem novinhopornoputaria de pai sarrando a filha puta de shortinho enfiqdo no cu na cozinhacavalo penetra na buceta fotosBucetainchadaxvideomobileMae e filho tranzando coabuceta enxadaconto erotico gay fui obrigado a virar travesticu de mulatas novinhas piscando xvdelxvideo novinha xuveradaxvideoAmiga Fica Olhando A Outra Fazendo Um Boquete E Acaba Dando Uma Mãozinha No Final xvideo brasileiro onde tia dorme mais sobrinho na mesma cama nú acarradosmulheres que fuma charuto e souta fumassa na rola do cara ate goza asseste videoporno para ampunhetarcontos incesto lesbico mae enssina seu filhinho a bate punhetavídeo do acidente de Goku comendo cabeludoconto comendo cu na marra da santistaContos erótico a calsinha da cunhada noviha cheirava mixoconto erotico mulher .com calça lycra .com pacotao gigantecontos eroticos verdadeiro minha namorada so deichava eu surra o pau na sua bundaxxx vdeos gay levou o boizo pra comer em casaminha cunhada me procurou para treparhttp://contos eroticos rasgaram minha buceta e meu cu branqueloMeu´pai´meu´machoXVídeos b***** gordinha raspada entendendo escondidoquando voltei entrei no quarto da minha irmazinha e vi ela se mastubando dei uma bronca nela contos de incestoNega de causinha mostrando a berada da bucetacontos gays pique esconde no orfanatonora da bobera e leva rolaGostosas virando os olhos na hora de gozar nxxxdesfile de novinhas de fiu dentauCasadoscontos.com Lins55poxou a calcinha da gostosa fudeu com o dedo xvidioasseste video de jovem tranzando e fumando cigarro cem para ate gozamenina nvh fidendo cm doisfodendo gestantesvideo de sexo e porno comendo mulheres escodido porbaxo do vestidoMeu marido viu meu cu todo arrombadominha primeira siriricaconto gay novinho de tramandai.rsContos incestos vovôs descabacadoresSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhavídeo de homem se masturbando e g****** no copo e mulher bebendo no café da manhãcontos masexitantesxvideos entertida no cellcasa dos contos eroticos temas broderagemuma mulher com uma bucetona deliciosa fudendo locamente com um picudofudeno com a esposa do do meo melhor amigo em pornobrasilerocontos eroticos barcoler contos eroticos menageo primeiro amasso a gente nunca esquecechantageada contosvirei viado depois de velhocontos eroticos desconhecido tirando cabaço d mulecavideos pono muha vumitano no pauvidioenteada casada dando vidio pornocontos eroticos na cozinha com vibrador filha e maehomem é menor que dá mais uma rola de homem mamando no peito da mulher enfiando a rola dentro do mosquitoNei+sei+como+cabeu+aquele+pinto+na+mia+buceta+conto+eroticoXVídeos cara tapeando coroa na rua de saiaHistória de sexoem que filho foi passar protetor na mãe,acabou comendo ela ,contos erótico filha novinha enche a mae solteira de beijos e carinho porno doidoGotosas de minisaia provocando xv o porteirpContos de mulheres que foran estrupadas e se apaixonarancontos eroticos empregada domrsticconto relatando como nao resisti ao pausud e fez sexopadrasto e tio negros de 40cm com intiadacache:O6GiaR9Gb0sJ:zdorovsreda.ru/texto/20180120morena sendo arombada por rola de40centimetros entra todinhaconto erotico velho barrigudo comedor de ninfetacaralhos gigantes e cabeçudos de héteros no pornodoidopadrasto com o pauzao jigante e cabecudo botano a enteada pra chupar