UMA CABELEIREIRA DIFERENTE (Parte 6)

Um conto erótico de Daniel
Categoria: Grupal
Data: 28/12/2018 00:43:57
Última revisão: 20/04/2019 22:02:46
Nota 8.20

Isabelle foi beijando e tocando na bundinha dele, acostumando ele para o que viria logo em seguida. Ela foi colocando o dedinho no seu cuzinho e pedindo para que eu fizesse o mesmo. Perguntou se eu toparia fazer com o Bruninho tudo o que ela fizesse e eu disse que sim. Ela colocou dois dedinhos naquele rabinho e eu fiz o mesmo. Depois, ela começou a chupá-lo e eu a imitei. Ela colocava a língua naquele cuzinho e eu fazia o mesmo. Ela dava duas tapas fortes naquela bunda e eu imitava. Era gostoso ter que imitá-la, eu não precisava pensar em nada, apenas repetir o que a minha amiga fazia.

Isabelle colocava a boca na pica de Bruno até o final, garganta profunda, segurando, perdendo o fôlego, babando, e eu repetia, garganta profunda, a pica até o final, o rosto vermelho, babado, lutando para segurar aquela pica o máximo de tempo possível. Ela me chamava de putinha e eu a chamava de cachorra. Depois, nos beijávamos, era um beijo de língua suculento, ela parecia me querer por inteiro e com intensidade.

Vendo a nossa animação, Bruno resolveu ficar de quatro na cama e percebemos que aquele macho estava louco para ser enrabado. Minha amiga falou: "Você deveria ir primeiro, para preparar o território, sua pica é grandinha, mas a minha tem 20 centímetros, precisamos preparar esse rabo". Isabelle pegou o lubrificante colocou na minha pica e na entrada do rabinho daquele macho. Fui entrando a cabecinha, o macho relaxou o cuzinho, era acostumado, e minha pica entrou fácil, sem nenhuma dor. Disse para Isabelle: "Ele é experiente, amiga, a minha pica desliza fácil por esse rabinho".

Isabelle notou a facilidade e quis logo enfiar a dela também. Tirei a minha e o Bruninho relaxou bem o cuzinho para engolir por completo os 20 centímetros de pica da minha amiga. Ela exclamou: "Você é uma putinha treinada! Que tal receber dois paus juntos nesse rabinho?". Olhei surpresa para a minha amiga, perguntando se aquilo era sério e ela confirmou. Depois, olhei para o Bruninho e reparei que ele estava meio amedrontado. Isabelle, então, pediu-me para tranquilizá-lo e afirmou que, a partir daquele momento, eu é que controlaria aquela transa.

Fui até o Bruninho e disse que ele só precisava relaxar. Ele só teria que sentar no pau da minha amiga, abrir as perninhas, deixar o cuzinho numa posição confortável, e depois estar pronto para a entrada do meu mastro. Falei que, se ele pedisse, tiraria meu membro de imediato e ele ficaria só com o membro de Isabelle no rabinho. Falei tudo isso com uma voz tão doce e calma que, mesmo com medo, ele topou.

Isabelle deitou na cama e ele foi sentando na pica da minha amiga. Bruninho estava apreensivo e seu anelzinho piscava mais que árvore de natal, acho que ele queria relaxar ao máximo, estava apreensivo. Quando ele engoliu com o rabo todo o caralho da minha amiga, abrindo bem as perninha, resolveu olhar em minha direção. Com o meu pau em riste, segurei o rosto dele, tasquei um forte beijo de língua, olhei fundo nos seus olhos, e perguntei: "Está pronto?" Ele confirmou com a cabeça. Isabelle, nesse momento, havia parado as estocadas, apenas esperando a minha chegada. Repeti a pergunta, mais enfática: "Está pronto para levar dois cacetes nesse cuzinho?" Ele, dessa vez, respondeu: "Vai, me fode".

Fui entrando, procurando um espaço junto ao pau de Isabelle, enfiando, enroscando, perfurando. Senti as paredes daquele cu apertado e o forte roçar do pau de Isabelle junto ao meu. O membro de Isabelle ficou parado lá dentro, estático, 20 centímetros bem enfiados, enquanto o meu fazia pequenos movimentos. Na nossa frente, Bruninho gritava de dor e prazer, como uma verdadeira putinha: "Aí, meu cuzinho, aí, meu cuzinho".

Perguntei se ele queria tirar e ele disse que não. Preferia sentir ainda mais: "Não, arromba, fode esse cuzinho, fode mais". Com meu pau lá dentro, Isabelle voltou a dar pequenas estocadas. Eu sentia, no roçar da minha pica, os seus movimentos, enquanto Bruninho urrava de dor e prazer. Resolvi tirar meu membro e ele começou a rebolar rapidamente e com força no pau da minha amiga, que rapidamente gozou. Meu membro, depois daquele cu apertadinho, daquele roçar de picas dentro do calor de um rabo, não poderia estar mais rijo. Eu precisava gozar. Fui até Bruninho, roubei-lhe um beijo de língua, e fui me masturbando forte. Antes que meu leitinho saísse, direcionei meu pau até seu rosto e o enchi de porra. Voltei a beijá-lo e notei que, no mesmo momento, Isabelle abria com as mãos a bundinha daquele macho, aprovando com um sorriso perverso o estrago que nós duas havíamos feito.

(Se quiserem a continuação, comentem. Não esqueçam de comentar.)

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
17/03/2019 19:52:20
Lindo!
16/01/2019 02:31:08
Ótima série!
11/01/2019 13:35:17
entendi
10/01/2019 02:25:58
Keylane, obrigado por ser uma leitora fiel dos meus contos.
30/12/2018 02:43:34
Q deliciaaaaa!!! Continuaaaa!

Online porn video at mobile phone


duas irmas abdo buceta oara o irmaoconto erotico kaoncoroa traindo o marido dando o cu e o narido ligadocinco moleques arrombaram minha noivacontos eroticos so cabecinhacavalopornocornoprica cavalatarado nuonibuxvídio porno novínha espichano gozosendo lascada por maquina do caralhismeu irmao adora meu chule contos eroticobuceta arreventadaconto patricinha escravase voce me desse essa buceta iamos nos divertir muito xvideoshomem casado do Rio de Janeiro Baixada Fluminense quer outro filho para sua esposa que ela adora chupar outra picaconto erotico viado foi no pagode na favela e deu o cu pro travestivedeos de sexo foi morar mais a madrasta nao resistiu e cumeu elagostsona dando o cu pro negao roludo egritandonovinha fechar o olhos e faz biquinho pra levar gozada na caraquero ver a morena sexo gostosa batendo p****** com pau do homem roxinho e g****** pela b*****patroa fode com enteadose geme alto conto comi minha patroa na igrejacavalo estupra poney zoo animal porncontos a janara leva rola no cuconto esposa peida pau comedorrapaz passa o dedo na bucetinha virgem da novinha e ela gritar de dor contosmulequinhos punetandovidioporno/fodanaconstrucaotravicante levo novinha no casacontos eiroticos leilapornmorde devagarinho meu grelinho porno vídeocasadoscontos casal adora negros comedor de cu c/fotos reaisvideo porno mulher trai seu namorado em roki e corno liga bem na hora qe ela ta no escurinhocontos eroticos arombei a minha aluna na sala de aulaexvidio mulheres casadas que adoram da o cu pro maridoContos eróticos transando com o genro e a diaristacontoerotico namorada e mae putas do tio jorgeela tamava banho quando foi surpreendia pelo roludo que tirou sua virgindadeXvideos amacei o pau com foçaporno pasto convinando irmao a nao fude irmabumbum gg virgem anal com dotado tentou correr mas conseguiuporno negao fas muleca grintafoto.neta toumou calmante pra transar.com filho.virgem sangra bunda.dele choraso puta velha o negao aroba elas gosa dentroponodoido padrasto fudeno a enteada dolada da mãetitio comendo novinha inocente e ela dizendo devagar ta machucando minha bucetinhaconto erotico casa da comadrevideos de novimha perdendo a virgidade e chorando e perdindo pro namorando para q nao estar a guentando maistio chupando buceta contoContos eroticos eu tava internado no hospital e o enfermeiro fodeu minha mulhercrente contocontos picantes: cutucando o cuzinho da enteadinhawww.relato erotico mulher cazada gemeu na pica glande.com.brConto erotico arombei minha enteada novinha magrinhcontos foderam minha caÇulaa policial gostoza sendo fodida aforsa pelo bandido pirocudo xxxxvidiosxvideos mulher gpstosa por baixo da saia gg kkcamera no quarto bundudo experimentando picamorena acavalada.fudeno com bemdotoO dinha que comi o cu da minhA mae bebAda contos,contos a bicha arrancou sangue do meu cucontos eróticos de mulheres que foram f***** por bem dotados na grossura de caramba sua b***** arrombada.dei o cu pro cachorro e acabei engatadohomen do penis muito grande tentando tira a virgidade da menina empexvidio confusão em família pai gosou dentro da bucetadeixou a irma com a buceta pingandochantageada contospirocas enormes pornodoido garganta profunda imensas que fazem um estragoContos eroticos negao fudendo gostoso com a viuvapunhetando para cunhadinha verxvideosx videos maranesse bucetudasporno comendo uma novinha c com o shorts na solturaminha esposa me fez de puta contoxv metendo com olho liso so empurra xvideosfodendo a comadre contosxvideo nigro xxxvvnclitóris gigantes arrombando cu gigante rola brancaporno velha colocando cabrestowww xvideo prostituta ceda mal com fregues pausudonnegão pauzudo estrupa mulher gostosafui comer e fui comidocomendo o cuzinho dela ela chorando ele filmando escondido ela ferver na firma esconde dele comendo o cuzinho a bucetinha dela ela chorandocontos aiiiii hum aiaiamagrela ficou encavalada na pica do negsosuper dotado encosto a moreninha bunduda na padaria e ela gemeu muitomulheres distraidas xvidiis.comsonifero no acampamentomenino de atrasou e pediu carona pra homem sarado na moto pornoxvideo muilher surpresa nxvideo sexo u buracuCenta na pica sem camisinha,e perigoscontos swing dei a minha calcinha para o meu genrocontos erótico transei com minha sogracomendo o cu da nora - contos eróticosnovinha virgem no vídeo caseiro transando com padrasto e botando a Nova Palmamulher de soltinho se matutando pornobaixar grátis vídeos pornô lésbicas gemendo grostoso e esfregando buceta com buceta molhadinhas até gosarContos incesto dei pro meu filho mesmo gravidacontos eróticos putinha dando o xiri e o cú primeira veznovimha perde o cabosnponto não. quebrau. cabaso da vige