Eu, minha esposa e meu amigo da adolescência 5

Um conto erótico de Julioepatricia
Categoria: Grupal
Data: 20/05/2018 14:36:52
Última revisão: 25/05/2018 19:38:48
Nota 9.90

Roberto já estava no banho e Fabiana entrou junto, e Patrícia ficou lo lado de fora conversando com eles como quem bate papo numa praça. Reclamou que não tiha dormido nada, e agora estava cheia de tesão.

Quando me viu falou

--“vem, amor. Eu também preciso dar”,

Me puxou pra sala, arrancou minha cueca, e começou um boquete. Finalmente eu também estava pelado nessa bagunça. Joguei a calcinha pro lado e comecei a chupá-la também, e logo estávamos num 69. Não tirei nenhuma roupa dela, pra não mostrar tudo quando eles chegassem. Chegaram e ficaram no sofá nos olhando, e eu gosto de chupar, então chupei muito,e fabiana finalmente pode ver meu pau entre uma bocada e outra da Patrícia. Os dois estavam de toalha, sem nada por baixo. Roberto mui amigo meu, ficava incentivando

>“isso aí garanhão, sua vez de comer essa gata”, e ria.

Na posição em que estávamos no 69, eu estava embaixo da Patrícia, e ela de frente para o sofá onde eles estavam, pois os colchonetes estavam encostados no sofá. Roberto saiu de onde estava, e sentou exatamente em frente dela com as pernas abertas. A toalha dele não cobria mais nada. Eu debaixo da Patrícia só via as pernas dele do lado dos braços dela. De vez em quando Patrícia levantava a cabeça e ficava de frente à rola mole do Roberto. Do jeito que ela estava excitada, eu ficava imaginando a troca de olhares entre os 3. Daí ele aproveitou pra ficar fazendo carinho nas costas e cabelos dela. Ela se virou pra mim deixando a visão da bunda dela ainda tampada pela calcinha pro Beto.

Puxei de novo a calcinha dela pro lado (lembrando que a calcinha era de nylon, bem fininha, que não machuca mesmo se ficar arrastando) e ela sentou me cavalgando. Depois curvou o corpo pra mim e Beto finalmente deve ter visto meu pau entrando e saindo na buceta dela, daí Pat disse:

--“amor, quero tirar a camisola”

-“tudo bem, pode tirar”

Pat ergueu o corpo, virou de frente pro Beto, jogou as tirinhas da camisola pro lado e foi deixando cair enquanto pulava em cima de mim. Quando a camisola terminou de cair revelando os seios, ela parou de pular. Ficou rebolando na minha pica com o corpo ereto olhando pra ele. Vi bem a cara dele vendo os peitos dela pela primeira vez. É meu amigo mas já deve ter imaginado muito os peitos dela dentro dos tops que ela usa. Agora estava ali, tamanho, formato, cor dos bicos... Ele só não pegou em respeito a mim, por que pela Pat poderia até chupar se quisesse.

--“amor, vou gozar. Me come de 4”, e caiu pra frente apoiada nos joelhos e braços,ficando com a cabeça na altura do sofá onde ele estava de frente a ela. Tirei minhas pernas debaixo dela e fui pra trás, de joelhos no colchonete e comecei a bombar. Beto ficou fazendo carinho nos cabelos dela e olhando pra mim, incentivando:

“vai Julio, mete nessa gostosa”, e olhando pra ela “vai gostosa, rebola no pau do Julio”

Patrícia gozou, caindo no chão de bunda pra cima. Fui pro lado dela e ficamos nos beijando. Beto passou a mão na minha cabeça, parabenizando como se eu tivesse feito um gol. Patrícia logo se recuperou, abriu as pernas com a bunda pra cima e me chamou. Comecei a meter novamente com ela deitada no colchonete. Depois Patrícia deitou de lado com as pernas agachadas, e meti de lado nela. Adoro essa posição. Depois ficou de 4 novamente, com o corpo apoiado sobre o sofá. Roberto, que estava abraçado com a Fabi vendo a foda, se aproximou novamente, de pau duro, abriu as pernas, deixando a Pat no meio delas, e ficou acariciando os cabelos, rosto, costas, na esperança dela ir de encontro ao pau dele, aproximou mais, arrastou o pau no rosto dela mas não teve jeito. Por mais que eu estivesse excitado, e talvez eu nem reagiria se ela fosse, me senti bem com a resistência dela, pelo menos por enquanto.

Ficou claro que ela não queria contato com o pau do Beto. Ele se aproximou o quanto pode, passou o pau nos cabelos, eu via tudo, Patrícia deixava ele arrastar a pica, mas não levava as mãos ou a boca. Então puxei a Pat pro colchonete, a deitei de barriga pra cima, abri as pernas dela e falei que não estava aguentando mais de vontade de gozar. Ela falou:

--“goza gostoso na sua putinha, meu macho”.

Tirei o pau e gozei na calcinha, na barriga, na camisola. Lambuzei tudo.

Roberto elogiava nossa performance e enquanto dizíamos coisas como “que loucura isso tudo, etc”. Fabiana, muito safada, reclamou que gozei na camisola dela, e pediu a Patrícia pra tirar. Como a calcinha estava gozada também, Patrícia tirou tudo e ficou pelada, e ficou deitada de barriga pra cima e virou de lado pra eles. Fabiana já sem toalha, pelada, pegou a camisola e começou a limpar meu gozo sobre a barriga e peitos da Patrícia, e ao passar a mão sobre os peitos, falou

>>“que peitos durinhos, amiga. Você já pegou neles, amor?” Roberto riu, olhou pra mim e falou

>”Não, o Julio nunca deixou”.

>>”vem aqui pra ver. Você deixa, né Julio”, sorrindo pra mim.

Minha última esperança seria a Patrícia negar, mas ela fez como se não fosse com ela. Roberto muito pra frente, chegou perto, apertou, beliscou os mamilos e olhando pra mim, com um sorriso de quem prova a textura de uma manga na quitanda e dá os parabéns ao vendedor. Falou

>“é verdade, meu amigo tá bem de namorada”. Patrícia riu e eu sorri como quem diz putz, fudeu tudo mesmo.

Levantei e fui me lavar e chamei Patrícia. No banheiro falei

-“amor, foi delicioso, mas será que não estamos exagerando? o Beto já tá pegando nos seus peitos, e você pegando no pau dele...”.

--“Julio, você deixou ele pegar nos meus peitos, e eu não peguei no pau dele”

-“na hora que ele tirou o pau do cu da fabiana, seu dedo ficou encostando”.

Com a personalidade que lhe é peculiar, falou

--“Julio, eu não vou fazer nada que você proibir. Se você não estiver a fim é só falar que eu paro. Tudo que fiz até agora foi por que você deixou.”

Tentei dar uma engrossada, mas a Pat é foda

-“eu deixei ou você quis?”

--“os dois amor, mas agora a minha vontade era segurar o pau do Beto enquanto você me comia. Me segurei pra não chupar o pau dele, por que não sabia se você ia gostar. Amor, ou a gente volta ali e se diverte com eles, ou vai embora, por que eles vão continuar se divertindo com a gente ou não”.

É, amigos, ela entrou de sola. Minha memória RAM não estava processando as informações. Tive que recuar:

-“não quero ir embora. Só não quero fazer nada que atrapalhe nosso relacionamento”

Patrícia me abraçou carinhosa

--“eu te amo, você é a minha vida. Beto é seu amigo e a Fabi é nossa amiga também. Ninguém vai estragar o nosso relacionamento”

Ouvir isso dela foi muito importante, e o assunto acabou com um beijo.

Quando voltamos de toalha os dois estavam pelados no sofá, se beijando, Roberto com o pau em meia bomba. Sentamos no colchonete. Fabiana elogiou os seios dela e perguntou se tinha alguma receita pra ficarem durinhos. Patrícia baixou a toalha exibindo os peitos e disse que por serem menores que os da Fabiana, era mais fácil ficarem mais firmes, mas que ela tinha seios muito bonitos, e disse

--“não é amor?”. Eu disse

-“claro, são lindos também.”

Patrícia ficou de joelhos e a toalha caiu deixando-a nua. Foi lá pegar nos seios da Fabiana

--“vem cá amor, sentir os peitos dela também. Pode, Beto?”.

>”claro, vem cá amigão sentir esse peito delicioso”.

Ri e fui. Roberto pegou em baixo do peito, levantando e falou

>”sente o peso da responsabilidade” e morria de rir.

Fui pegando no outro, daí ele me chamou pra sentir o gosto, e já foi com a boca num mamilo. Fui chupar o outro. Fabiana olhava pra mim sorrindo com cara de desejo.

-“delícia hein Beto. Tá de parabéns também, pelos peitos e pela periquita carnuda que ela tem”. Roberto já falou

>“meu amigo, isso aqui não é piriquita não”, e rindo olhando pra mim abriu as pernas dela na minha direção e disse “isso aqui é a melhor buceta da praça” e os dois cairam na risada.

Nossa, agora sim eu vi de frente, fiquei vidrado com aquele clitóris pra frente, carnudo. Por isso ficava aquele volumão na calcinha. Patrícia me abraçou por trás, provavelmente feliz por eu ter entrado na brincadeira, e falou:

--“gente nós estamos pra frente demais mesmo hein”.

Como estávamos batendo papo, eu disse que Patrícia, quando viu o pau do Roberto duro no banheiro, achou que machucava a Fabiana. Fabiana respondeu que no início ele tinha que ter cuidado, principalmente no anal, mas que com o tempo acostuma e só doi na entrada, e pegando no pau dele mole falou:

>>“Patrícia, eu preciso de duas mãos pra abraçar o pau dele por que é muito grosso”.

Patrícia achou que era mentira, que uma mão só abraçava o pau (mas nem o meu pau ela abraça só com uma mão. Apenas nunca tinha tentado pra saber). Fabiana falou:

>>”agora não dá por que não está duro, mas daqui a pouco você vai ver” e começou a passar a mão no pau dele. “Vem aqui perto pra ver”.

Patrícia estava no colchonete comigo. Se posicionou ajoelhada ao lado das pernas do Roberto, encostando o abdome e deixando seus seis repousando sobre a coxa deleas dele. Ele deitou pra trás, ficando só com a cabeça mais alta recostada no sofá. Eu no colchonete via Fabiana deitada ao lado dele, bolinando o pau, que ia dando sinal de vida, e Roberto falou pra Patrícia:

>“passa a mão nele de novo”. Ela olhou pra ele e disse

--“eu não passei a mão, você que ficou roçando seu piru em mim”.

Ela pegou a ponta de um dedo e ficou passando no pau dele, pra cima e pra baixo rindo pra ele, e olhando pra mim disse

--“foi isso que aconteceu”, e completou “vem cá amor também”, e eu falei

-“pode ficar aí”.

Ela sentiu que a conversa no banheiro fez efeito, e que eu estava aprovando a brincadeira. Fabiana falou:

>>“sente como ele é quente”.

Patrícia colocou as costas da mão no pau dele, e rindo pra ele e pra Fabiana falou que eu também sou quente, e a parte mais quente é meu saco, que é quente e durinho (enfim um elogio). Roberto pegou a mão dela e colocou no saco, e ela disse ahh, vocês homens todos tem saco quente. O pau dele já estava ficando duro, e Fabiana falou

>>“me ajuda agora a abraçar o pau dele”.

Colocou uma mão, sobrando um espaço grande pra fechar os dedos, daí patrícia colocou a mão do outro lado do pau sobre a mão da Fabiana, praticamente sem encostar no pau, Fabiana começou um movimento muito lento de punheta, e Patrícia ficou com a mão de cima da mão da Fabiana, como se estivesse ajudando a punheta. O pau ficou todo duro, e Patrícia constatou a medição do perímetro dizendo

--“é, é grosso mesmo”.

Fabiana colocou a outra mão no pau dele, e falou

>>“é grande também, cabem duas mãos”.

E habilmente tirou a mão de baixo da mão da Patrícia, que enfim abraçou o pau com a mão, acompanhando o movimento de punheta bem lento e sem pressão que a Fabiana fazia. Eu estava hipnotizado com a cena, meu pau já estava duro de novo. Roberto olhou pra mim e falou

>>“senta aqui do meu lado, amigão, vem experimentar essa sensação gostosa também”.

Sentei do lado dele. A diferença de tamanho é grande, mas como já disse meu pau tá longe de ser pequeno. Patrícia saiu das pernas do Beto e veio pro meio das minhas, e ao invés de punhetar ficou chupando a cabeça. Roberto levantou dando espaço pra Fabiana chegar mais perto de mim. Ela pegou na base do meu pau e ficou sentindo ele, apertando, mexendo devagar e rindo pra mim. No final das contas eu me senti bem, em iguais condições com meu amigo. Fabiana logo voltou pro Roberto, que estava só, e começaram as preliminares pois o Beto não tinha gozado ainda.

Continua...


Este conto recebeu 9 estrelas.
Incentive julioepatricia a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
18/02/2020 18:12:00
Adorei
04/01/2020 12:25:57
aumentando o tesão aqui, muito excitante.
27/01/2019 22:13:13
MUITO BOM!!!
03/11/2018 01:50:21
conto muito bom gostei beijos
03/11/2018 01:40:41
O Bicho começou a PEGAR!!!!!!!! hummmmmm
03/11/2018 01:29:36
Excitantemente narrado... Parabéns ! Já está devidamente votado !
03/11/2018 01:06:37
Adorei o conto.Votei
02/11/2018 11:03:51
o delicia de conto....
02/11/2018 10:54:53
mandou gostoso! adorei e votei!
02/11/2018 10:32:50
Delícia de conto. Essa Pat é demais.
02/11/2018 10:12:28
Muito excitante!
14/10/2018 13:27:16
Maravilhoso, 10,0
14/10/2018 13:18:48
Sensacional!
14/10/2018 13:15:37
Sensacional!
14/10/2018 13:06:08
Seus contos são muito bons, Julio. Bem detalhados, cheios de tesão
14/10/2018 12:44:05
O seu relato está muito excitante, cheio de detalhes ...
14/10/2018 12:28:28
Que tesao de conto....
29/09/2018 15:40:29
Delícia. Trio maravilhoso. Me melei todo aqui
29/09/2018 12:42:14
Que mulher deliciosa. Muito bom, nota 10.
28/09/2018 22:59:55
otimo como sempre!!!!!

Online porn video at mobile phone


XVídeos dando choque sarrando no carroquem quebrou meu cabaço foi meu paimacho arregaca o buraco da xana da safada cm aparelho para ver o fundo do buracovideo porno elas adora fude beijado beijoss de ligua quim deliciafotos bucetad testa de tourogangbang silvio santos porno doidoConto tirei o biquine no quarto do meu paiirmas fudendo com irmao1minuto xvideos8Pega abaixa vidio pornowww.meu vizinho negao me estuprou mundobicha.comcontos eroticos fudendo com a síndica do prédioVIDIOPOMO DI PAULISTA conversa com coroa carente cellnovinha chegou em casa e viu o padrasto comendo a vizinha ai ela comecou a provocalo dentro de cadamenina pequena provocado pai com chote cuto enfiado na bunda xnxxpadrasto histórico Zinho da enteada XVídeosnovınha metendo agaxada na rolamulher casada gritando espetada no cacete do taradofotos de mulheres camponesas dando o cu e gemendo muintocontos de estupro sadomasoquismopornô novinha Rush rosto cheio de espinhatio trepa ma sobrimhacontos vi minha mae caga no pauzao do negaoquero ver filme pornô com mulher morena de 20 anos dando o cu de bruço fechamulher gosandose soltano na cama soquei a rola na sogra contocontos da minha sogra deixando a calcinha pra mim cheiraNao endureseu o pau no xvidio.comxvideocomendo pulsonnegão pauzudo estrupa mulher gostosadois mordemdo e chupando forte a bucetaminha buceta seus retiradaprendendo a ser puta no tapa/contoscontos eiroticos leilapornsou sexo com travesti 2 metrosbuceta de pombagiraxvideo mule vigata nacaza da amigaPauzundo entrando ate talo na buceta contosmuher tento fujir mais negao roludo enpuro tudocontos eiroticos leilapornconto minha esposs adors um vibrador e acabou com uma rola de meu amigominha mulher de peito e Tonzinho XVídeoscontos eroricos minha filhae enlouquececontos de incesto com cadeirantesxvideo menina de meno gosano e tremeno as penatransas em araruamaConto gay estupro coletivoquero ver um cara de pau de 90cm pegando uma novinha e fazendo ela gritar e gemerVocê sabe o número de química assim Vitor você sobe no macetim fazendo vídeo pornográfico pornôxvideo contrata negao pra alisa mais esgorega e entracomo meu tio roludo e comedor comeu minha esposa novinha 1 contosPorno contos eróticos sexo entre irmaos romance final feliz o filho da minha madrastamãe xupal e lambe boceta da sua filhaxvideo alisando minha tia dorminoqero assistir video de porno de baiana rebolando na pica.sexo anal sem compaixãogordinha pacotao pornodoido calça legemeu corno troxe um negão para me foder e tirou fotosComtos lesbica flagante Viagemsexo de concuinha lourasmulheres com grande popozao emfia a mao no cuzinhomeu cachorro lambe minha caucinha nas minnha coxascontosdecornoseputas.blogxvideos capacho corno trouxaconto no cinepornocontos eroticos meu pai fez eu dar pro meu tioconto erótico filha da madame sentou no meu colo e sentiu meu pau duroporno cunhadainesquecivelpamico ma forretas sex traza sexpassou a mão na rola do padrastodormindoMarido faz minete na Esposa até se virvideos porno irnao irna do xxvideoscomendo a mamae por engano em contos levantando a saia daquipornoIM01- ela so queria. aprender a amar conto erótico incesto no colo do papai tomando cafe sem calcinhacache:zdorovsreda.ru/texto/2013051431pau.em.bumda.nulher.anatadavideotiafodenosurpresa+no+banheiro+pornoas panteras filmes a cordano minha mae japonezahistorias eroticas, amor, sexo pelo meu guarda costameu namorado quer fazer sexo comigo menstruada conto eroticode chorte atolado boquete amador xvideos online mae engoli ou cospi fidelidade Conto tenho prazer em ser bundeiraContos pornos-fudi a mendigaMeu primo playbou carioca conto gay cap 3casa dos contos eroticos com sobrinhos chupador de bucetabuceta dq mulher esgacada ganhanfo brbewww.xvideos mae safada brasileira fudendo com o próprio filho escondido do maridoxvideos.comContos eroticos menina d oito anos deflorada por pedreiro iper dotado