Namorado da minha irmã (final)

Um conto erótico de Bécka
Categoria: Heterossexual
Data: 18/03/2012 14:28:42
Nota 10.00

CONTINUAÇÃO...

Assim satisfeitos, nos beijamos eu sentindo o gosto da minha buceta na boca dele, e ele da própria esporrada na minha boca, ele se vestiu, e quando ia saindo, minha irmã entra no quarto e dá de cara comigo nua, e ele ainda sem camisa se vestindo. Ela acende a luz e logo grita:

- O que porra é isso aqui?

- Calma Renata, não é nada disso que você está pensando. Disse Paulo, tentando argumentar sem sucesso algum.

- Eu não estou pensando, eu estou vendo, desde o jantar que eu percebi os olhares de vocês, também pelo vidro da mesa, Paulo vi você roçando a perna na Bécka... vocês acham que eu sou burra? Eu pedi pra que ela te levasse ao banheiro, pra que vocês pudessem ficar mais a vontade, e fiquei olhando vocês, vi quando ela tocou no se cacete, e também vi quando você a beijou.

Eu me surpreendi, como assim? Como que Renata viu tudo aquilo e não impediu que fizéssemos tudo aquilo, o que passava pela mente dela, eu fiquei muito confusa e sem saber o que falar, quando olha mais uma vez pra Renata ela vem em direção ao Paulo, nossa ela vai matar ele, o olhar dela estava estranho, diferente, e mais uma vez eu fiquei anestesiada, ela tascou um beijo nele com uma vontade, um desejo incomum, ela virou olhou pra mim e disse:

- Eu estava olhando vocês, pela fechadura da porta, vi tudo o que aconteceu, agora quero que vocês façam tudo de novo, porém quero comigo junto.

Ela logo fica despida na nossa frente, como minha irmã é linda, corpo bem desenhado, fazia jus as suas conquistas e fotos que fez para uma revista de moda, Paulo também ficou nu, e os dois vieram até a cama onde eu estava nua, que tesão eu estava sentindo naquele momento, o Paulo veio me beijar, e a Renata junto, nunca me imaginei naquela situação, beijando a minha irmã. Mas estava tudo tão gostoso, o cheiro do sexo invadiu o quarto, nos beijávamos muito, enquanto nossas mãos percorriam, pelo corpo um do outro. Paulo fica de joelhos enquanto eu vou chupando aquele mastro maravilhoso dele, e vejo que a Rê está se masturbando e a chamo:

- Ei, maninha afim de dividir um cacete bem gostoso?

Ela nem pensou duas vezes, enquanto eu estava chupando a cabeça daquele mastro gostoso, a Rê acariciava e chupava as bolas que pareciam mais bolas de golfe, de tão redondinhas e inchadas, só ouvíamos o Paulo urrar, suspirar, falando: Duas safadas gostosas, vou dar uma surra de cacete em vocês duas. Aquilo nos excitava ainda mais, e diante de chupa aqui, ali, nossas línguas se encontravam, era um tesão único. Chupamos muito até que ele disse:

- Se vocês não pararem eu vou gozar na cara de vocês.

Não paramos continuamos chupando aquele mastro tão delicioso, até que ele levantou o meu rosto e o dela e gozou nos nossos rostos, e nos beijamos os três. Paulo me deitou na cama e começou a chupar minha buceta que estava muito molhada de tesão, eu fecho os olhos para poder sentir com mais prazer aquela língua dele, passando por cada centímetro de mim. Daí só sinto uma boca quente, beijando meus seios, chupando cada um deles com tanto tesão, deixando ainda mais enrijecidos os bicos deles, que boca gostosa da Rê. Eu sentia cada parte do meu corpo se arrepiando a cada toque que ela me dava, e me fazia sentir mais vontade de ter ela pra mim, agora eu já não via mais a Rê como irmã, mas como mulher, uma mulher que eu desejava naquela hora, eu senti que ia gozar e comecei a gemer mais alto, porém me controlando, afinal meus pais estavam em casa, e nós naquela safadeza toda no meu quarto. Foi quando a Rê chegou perto do Paulo e o afastou. Eu só senti a boca dela agora me chupando, nossa que delícia, ela chupa como ninguém, o Paulo veio até meu rosto e enfiou o cacete dele na minha boca, enquanto ela me chupava, eu chupava ele. Gozei sem parar na boca dela, foi a melhor gozada que eu já tive na minha vida.

Ela veio pra cima de mim e me beijou, me fazendo sentir o gosto da minha própria buceta. Eu me virei coloquei ela de 4 e comecei a chupar ela também, nunca tinha feito isso na minha vida, mas naquele momento eu só desejava fazer aquilo, afinal de contas a mulher era mesmo muito gostosa. Eu comecei chupando a bucetinha dela, de baixo pra cima, eu só sentia ela estremecendo quando passava minha língua nela, e ela chupando o cacete do Paulo, que enfiava e tirava da boca dela, eu só senti o corpo dela estremecer e enfim ela gozou, senti aquele liquido quentinho na minha boca. Nos olhamos satisfeitas, e sorrindo muito, o Paulo disse quero fuder uma de vocês. Eu falei:

- E porque não as duas? – Rê também acenou consentindo.

Nos viramos as duas de 4 pra ele, ele meteu primeiro em mim, fudendo muito minha buceta, depois foi na Rê, e assim foi revezando, que delícia, que prazer imenso, quando ele falou que ia gozar, viramos as duas de frente e mais uma vez ele gozou no rosto das duas, chupamos juntas o cacete dele sem deixar nenhum pinguinho cair, nos deitamos os 3 juntos, nos beijamos e nos tocamos, foi quando a Rê olhou pra mim e falou:

_ Bécka há tempos que eu queria ficar com você, mas nunca tive coragem de assumir o tesão que eu sentia por você, desculpa se fiz algo errado ou que você não gostou.

Eu a abracei dando um beijo demorado nela e falei:

- Isso responde a suas duvidas, se eu gostei ou não.

Rimos os três nos beijando muito, e enfim adormecemos abraçados.

.

.

AGRADEÇO A TODOS QUE LERAM E CONTINUARÃO LENDO MEUS CONTOS, COMENTEM, VOSSOS COMENTÁRIOS, SÃO IMPORTANTES PARA MEU APERFEIÇOAMENTO, DESCULPEM-ME OS ERROS ORTOGRÁFICOS.

BEIJOS!


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Beckinha a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
19/03/2012 14:44:11
Está aí meu e-mail pra quem quiser manter contato comigo Beijos
18/03/2012 16:49:11
Muito bom, aguardo outros contos.
18/03/2012 15:46:28
ola safada gostei muito de seu conto ,tanto q quero manter contato com vc se possivelah se for possivel tbem me passe o de sua irmã tbem ,pois ela tbem deve ser uma delicia assim como vc certo e uma putinha igualmente aq segue meus msns certo caso vc se descida pelo sim e
18/03/2012 14:40:16
Delícia de conto meu anjo, espero que comente e compartilhe os meus também. Quero ler mais contos seus aqui. Muito delicioso, gostoso. Nota 10

Online porn video at mobile phone


contos eróticos dona mariavideo inversão porno sogra comendo o cu do gerocontos irma criaçao fudendo namoradoxvideos sotados machucando velhas covardiaquero ver a xoxotinha da minha irmã de Lurdinhamtk contos eroticos coisas do destino capitulo 1qual a melhor posição peão fazer sexo anual sem dorxvios meninas chupando pau grossovideo de novinha com muito tezao forsando a amiga a bater ciririca ate vira os olhosso marrento cacetudomulhe lavado abuçetagta v a minha secretaria ta dando mole fizemos sexo no escritoriocontos eróticos intiada gravidaprimeira vez que comi minha sogra casa do contos eróticos casada gostosa magrinha com o vizinho coroaxvideo irma de shortinho desabotoadomorena.brasileira.dando.cu.e.dizendo.putari.mecoma.me.rasguecontos a bundinha da babáx videos de vaginade morcinha despropocional lindamargarinas na buseta e no cux videos mulher lammbendo o cusinho do homem e ele gosacontos erótico provoque meu padrasto mostrando minha bucetinhaConto gay - "fodido por um tritão"destraçada por dois paus pornodoidobumda grande fodendo caindo com perdas bambaxvideo nigro xxxvvncontos eiroticos leilapornvilma fudioa xnxx. comconto me estupraram na prisaoPomba gira gostosa cavalas MTencoxei minha tia peituda (contos).Sou mulher casada meu compadre me fodeucontos eroticos de irmas gemiascontos erotico meu sogro mi arobou cm seu pau d elefanteXVídeos marido com enxaqueca mulher transa com outrojantar em familia mulher senta no colo do marido e começa a transar sem a familia desconfiar pornoConto erotico sou madura e consolo lesbicamulheres chorando muito pedindocpra parar de botar no cuxvideo.com esposa da o cu pausudo efinha e goza ela nunca mais quet da o cuapaixonado por dois brutamontes da faculdade 12deu o cu si arenpendeu pornovideo de um homen chupano a buceta da mulher a te dar istralosbrigas de mulheres bofinhosorvetinho com vovo. incestobaixa lourinha cafungada com o negaoflagrei minha filhinha mamando o irmao com um mastro enorme contos eróticosContos eróticos curtos vó vendo cadela lambendo o pau do neto Zoofiliaconto erótico Eu e o meu marido no bar da perdiçãoapaixonado por dois brutamontes da faculdade 12novinho da pica lamecadavarias mulheres nuas no meio da grama mexendo na buçetaconto erotico huntergirls71conto erotico escrava canil nuarobson dando o cu para outro homemtorei um garotinho virgemcu manteigaconto gay contei pra ele que queria dar pra elevídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhovi um negao tonhao rasgamdo a xota da minha esposamamae safadinha toma banho co filho nua na intenetHistórias Eróticas de velho com siliconadaistorias eroticas de insesto filias mas novinas y pai en la rosacontos eroticos nl cinema hxh passando a mao na picamulher se afogando com o pao na garganta ponodoidocontos eroticos sete anoswww delexvidio comcomendo a gostosa xvidel 1ou 2minutos xvidelpornos em q o pai quebrol o cabaso da gilha inocenteWwwx vidios .con amulhe da buceta maio do mudorpornô novinha Rush rosto cheio de espinhacachorro pisudo fudendo mulher no matocontos de meu pai examinha minha xanaVamp19 O doce nas suas veias - (Capitulo 2) | zdorovsreda.ruconto erotico enquadradinho 2015mulher encapetada sexopeli buraco da fechadura curtindo uma coroa gostosa tomando banhoBaxa.sex.de.menina.guniada.de.tanto.fude.sua.busetinha.cabiluda.x vidios branqinha cabelopretoconto erótico sou menino mas adoro usar calcinha e ser menina do meu tio malvadoxvideo negao acoxa mulher onibusmadrasta sensual contosforcada a foder com roluda pelo marido conto