005 - TAMARA - Dei p/ o MARIDO da minha melhor AMIGA...

Um conto erótico de Escritor Danyel
Categoria: Heterossexual
Data: 12/08/2011 23:28:30
Última revisão: 19/06/2012 02:01:58
Nota 10.00
Assuntos: Heterossexual

Oi, sou Tâmara!

E como muitos sabem adoro dar minha xoxotinha rapadinha,

Adoro cair de boca em uma pica de macho e rebolar gostoso em uma vara grossa.

E como uma boa amiga que sou sempre servi a todas e principalmente o marido delas, e com a Viviane não foi diferente, ela é muito minha amiga e dona de um homem de dar inveja a qualquer amiga.

Viviane apesar de estar velha tinha um casamento sólido com um macho moreno, de corpo malhado de aproximadamente 30 anos chamado Eder, e um filho na flor do aprendizado chamado Gabriel.

Eder, seu marido tem um olhar de pegador, de comedor de bucetinhas e é claro eu não poderia deixar de aproveitar seu lado comedor pra dar também gostoso pra ele.

O fato é que sempre fui muito provocante, tenho seios fartos, olhar de mulher e com meus 23 anos sei como é mamar, rebolar e sentar em uma pica grossa, seja ela de macho ou de jovem, o que importa é a rola entrando e eu gemendo de prazer.

Eu estava sempre na casa de Viviane e lançava meu olhar de mulher desejável para o marido dela, e é claro que ele não deixava passar batido, ele também correspondia com aquelas pegadas firmes na pica dele, somente pra mim perceber.

Nunca tive a oportunidade de chegar a falar qualquer palavra sobre sexo com ele, pois ele era de pouco papo, mas eu sentia em seu olhar o jeito macho e arrombador de buceta.

E em uma tarde de Domingo em um shopping aqui da capital Campo Grande MS, no qual faz muito calor, estava eu me sentindo uma menina aproveitei o visual e resolvi sair de mini saia, decotinho deixando amostra minha abundancia de seio e minha beleza natural de felina.

E foi com o passar das horas que de repente encontro com Eder, realmente fiquei pasma e sem palavras ao vê-lo comprando algo.

Logo fui ao seu encontro, ele foi muito simpático e daí começamos a ter daí uma conversa mais bacana, ele estava mais gostoso que antes, vestia um bermudão e uma regata que deixava amostra seus braços fortes. Simpático e com olhar lançado para meu decote ele demonstrava uma simpatia nunca antes mostrada.

Tomamos um suco natural e daí pude ver o quanto aquele comedor da minha melhor amiga era legal e desejável, ela tinha a sorte grande em poder ter aquele macho de marido.

Sem muita noção o papo fluiu e daí ele logo pegou em minha mão e me disse que eu era muito bonita e gostosa também, naturalmente sorrimos e brincamos, e então eu comecei a sentir debaixo da mesa que estávamos o roçar de sua perna na minha.

Sem perder tempo me deixei seduzir, pois minha bucetinha já estava delirando de vontade de ter ele somente pra mim. Então loucamente sento mais perto dele e começo a acariciar aquela rola grossa por debaixo da bermuda.

Era algo que me dava muito tesão e desejo também, pois jamais havia feito aquilo, principalmente com todo aquele risco, mas era gostoso estar vendo que seduzir o macho de Viviane seria um presente pra mim, pois achava ela velha demais pra ter tudo aquilo sozinha.

Foi então que nos deixamos curtir a vontade de fuder delirantemente, logo naquela mesma hora resolvemos ir a um motel dar uma gratinada.

Eu parecia uma dama fudedora naquele carro lindo dele, é claro dada por Viviane de presente, me sentia uma putinha ao ver ele ao mesmo tempo em que dirigia para o motel passava a mão nas minhas pernas e com todo o carinho de macho me deixava seduzir por acariciar a minha bucetinha.

Logo chegamos ao motel, o mais bonito e carro da cidade, ele muito carinhoso me deu um beijo de língua e me levou da porta adentro nos braços, era realmente um macho que sabia como comer uma mulher feito eu.

Sem perder tempo, mesmo naquele tarde ele se deixava gostar de fazer da mulher dele uma corna mansa, e naturalmente estava me seduzindo de tal forma que em poucos segundos sendo beijada e acariciada perdi minha roupa de cima e de baixo.

Estávamos em uma tarde de muito calor, dentro do ar condicionado de um motel realizando nossos mais puros desejos, ele era mais gostoso peladinho, e com seu corpo lindo e moreno tinha um cheiro de homem mesmo.

Eder, de cueca me deixava curiosa com tudo aquilo na minha frente, o volume totalmente duro, aquele mastro que antes pertencia a minha amiga agora estava na minha mão. E que pica!, uma caçona e um cano moreno com veias fortes com aproximadamente uns 20 cm somente pra mim.

Ele também me chamava de boneca, e eu sem perder tempo e com aquela geba gostosa na mão caia de boca para o deleite dele.

Ele gemia de tal modo e eu era atolada e forçada a engolir a cada centímetro mais daquela picona de homem, ao mesmo tempo em que fazia carinho nos músculos e em sua barriga de tanquinho morena.

Era gostoso sentir o cheiro forte de perfume em seu corpo e ter diante de minha boca uma pica de homem, e ele com sua mão forçavam meu engolir que naquele momento via o tamanho que Viviane agüentava todas as noites na cama.

Pica, pau, e minha buceta a mingua do dar gostos, Eder demonstrava o quanto conhecia o prazer de uma mulher, porem não conhecia o que uma mulher como eu era capaz de fazer com uma rola gostosa como aquela na boca.

Ele se sentia nas nuvens da perdição e eu fazia de sua pica uma goma de mascar e um picolé de mamar feito louca, com chupadas de deixar a cabeçona da vara dele ficar vermelha de tanto sugar.

Era gostoso sentir aquele homem gemer diante das minhas mamadas na geba grossa e grande dele, era um prazer imenso e minha buceta respondia a tudo aquilo, minha xana estava molhadinha de tanto sentir prazer, pois Eder era o homem desejado e que cedia aos meus encantos e me fazia gemer de tanto prazer.

Minha boca degustava como nunca a vara dele, e as bolas dele parecia sumir diante de minha boca, eu mamava feito louca e ele me segurava forte e firme ao fuder minha boca com um vai e vem de cão raivoso, aquele homem de pica grotesca de grande me fazia engolir ate o talo com estocadas fortes, ao mesmo tempo que segurava meu cabelo e forçava a entrada toda em minha garganta.

Em segundos sentia o leite dele babar em minha boca, era gostoso e delirantes sentir que um macho feito aquele sabia comer uma mulher pela boca.

Então diante de tudo aquilo, ele me ergueu toda com sua força me deixando de cabeça pra baixo mamando sua vara e segurava eu pela perna e também retribuía a chupeta mamando minha bucetinha lisinha.

Eu estava de cabeça pra baixo, com um pau na boca e meus cabelos batendo no chão ao mesmo tempo em que era sugada pela buceta através da língua de um comedor sedento de sexo, e casado com minha melhor amiga.

Era gostoso sentir a linguada dele me fuder ardentemente, era de forma única ver que aquele roludo sabia fazer umas mulher gemer também.

Eu estava toda gostosa, meus seios balançavam com tudo aquilo e com a pica na boca continuava fazendo da vara dele meu degustar.

E em segundos via a rola dele babando e eu pegando e engolindo cada gota dela.

Então voltamosd ao normal com muito carinho e aos beijos sentia a pegada gostosa dele. Eder me fazia puta, mulher e totalmentes pelados eu o sentia me beijar, me acariciar e chupar naquele exato momento meus seios, que estavam recebendo carinho vip, tanto quanto minha buceta que era dedada gostosamente por ele ao mesmo tempo.

Aaaaaaiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, Gostoso, me come, me come, mete esta pica na minha buceta.

Eu dizia nestas palavras de puro prazer, eu gemia feito louca e ele com três dedos na minha buceta fazendo um vai e vem de delirar me fazia virar a gostosa do macho da outra.

Era gostoso ver que Eder havia cedido aos meus desejos e tocar em sua pele era um brinde, beijar sua boca carnuda de homem e acima de tudo ver o quando Viviane era feliz com tudo aquilo em casa.

Minha buceta estava toda molhada, gostosa e pronta para receber aquele macho.

Sua pica estava apontava na entrada da minha xoxota e vagarosamente ele começava a enfiar ate o talo, sentia o entrar de uma pica de verdade dentro de mim, e peladinhos, eu na cama de pernas pra cima e ele começando e me comer gemia.

Eu sentia a beleza daquele homem, sentia o que uma rola poderia fazer com a gente, e com um vai e vem de pernas pro teto, e sendo segurada pelas pernas sentia o começar fuder gostoso daquele pica.

- Gostoso!!!, Aiiiiii mete mais forte, me come...

E ele então obedecia e me fazia escrava de sua vara, sentia o carinho dele, o prazer de ter ele somente pra mim e imaginava ao mesmo tempo em que levava vara nas entranhas o quanto era dar pra um macho casado.

Minha xaninha respondia as alturas, estava toda vermelha de tanto ser socada por aquela vara enorme, a minha xoxota estava toda aberta e arrombada com tamanho prazer.

Eder esquecia da hora e aquela tarde se misturava com a traição, o beijo gostoso e o fuder delirante dele diante da minha perseguida.

Gostoso, delicioso o macho que ali me fazia putona. Arrombada, de buceta toda comida, eu experimentava mais um marido, porem Eder era especial, pois era marido da minha melhor amiga e era muito bom de cama.

Eu estava de quatro, de lago, de banda, e totalmente perdida com tudo aquilo de vara me sentava toda aberta diante dele.

Eu sentia na pica grossa dele e o ouvia gemer, e rebolava feito uma louca, eu estava lá, sentada de pica nas entranhas e gostando muito de ser atolada ate as bolas.

- Mete!!! Mete!!!c Mete!! Aiaiaiaiaiaiaiaia.

Ele me chamava de puta gostosa e minha buceta engolia cada milímetro da vara dele, ate os cocos eu sentia e em um vai e vem delirante ele gritava e me chamava de bucetuda.

Nossa, era muito gostoso sentir tamanha rola, e de quatro ao mesmo tempo em que de cabeça pro travesseiro sentia o atolar do pau dele também sentia o adentrar de seus dedos no meu cú.

Eder me comia com a vara na buceta e me abria com dedadas na bunda. Meu cú estava com dois dedinhos me fazendo gritar de prazer e de dor, pois muito antes que uma pica na buceta, era ter dedinhos me abrindo pelo rabo.

Sempre tive muito fogo e sentir aquele macho gostoso me comer era algo inesplicavel, algo que me fazia realizar, desejar e não ligava como ele era e se muito menos era marido de minha amiga.

Que queria saber era de dar, sentir minha xana encher de tanta porra, e assim ele concluir sua foda, de quatro, de lado e por muito com os dedos no cú o ouvia gemer dizendo que iria gozar.

Ele todo gostoso me enchia de porra, minha buceta estava aberta e eu ficava caída na cama com a xoxota enchida de leite do macho da minha amiga.

Eder gozou, e como gozou, pois era muito bom ver que o comedor sabia ir alem do sexo, era pica pura dentro de mim, era braços de homem, de metedor gostoso que havia comido.

Buceta, cú tudo aberto, uns pelo dedo, outros pelo simples fato de ser uma mulher puta que adora dar a buceta.

Logo de pernas abertas, de xoxota melecada resolvi tomar um gostoso banho, somente eu e ele, e no chuveiro paguei outra mamada pra ele, então o ouvi dizer baixinho no meu ouvido.

- Gostosa, quero te comer toda semana, você é muito gostosa, sabe rebolar numa vara.

E daí é claro que aceitei, e deste dia em diante sentia todas as semanas pica dele entrar em mim, mas também continuava abusando da rola do Pietro, meu outro comedor mais jovem.

E quanto a Viviane aquela songa monga, eu continuo sendo a melhor amiga dela, mesmo rebolando na pica do marido dela e também do filho mais novo dela, mas isto eu conto na próxima parte, pois dar pro marido da melhor amiga é bom, mas dar pro filho mais novo é melhor ainda.

Até breve...

Continua...

CRÉDITOS A PARTICIPAÇÃO NAS IDÉIAS DO ESPECIAL LEITOR RAFAEL DE RECIFELeia também

001 - TAMARA - "Ví papai comer a buceta da nossa empregada"

//lk.salon-master.ru/jav321/texto/ TAMARA – “Levei pica na buceta pela primeira vez”

//lk.salon-master.ru/jav321/texto/ TAMARA - "Meu irmão me comeu..."

//lk.salon-master.ru/jav321/texto/ TAMARA - "Minha primeira vez com dois..."

//lk.salon-master.ru/jav321/texto/ TAMARA - "Dei gostoso para o marido e o FILHO da minha melhor amiga..."

//lk.salon-master.ru/jav321/texto/

Autor: Escritor Danyel

[email protected] e leia mais ;

casadoescritor.blogspot.com


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Contos de Daniel a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
15/08/2011 17:32:06
Eu quero ver quando a Tamara vai ser comida pelo pai dela! Não aguento mais esperar isso.
12/08/2011 23:52:56
MUITO BOM!!!!!!!!!!! MARAVILHOOOOOOOOOOOOOOOOSO THYAGGO, VC REALMENTE ME SUPRIENDEU BASTANTE COM TODOS ESSES DETALHES E FATOS!!!!!!!!!!! MAIS PARABÉNSSSSSSSSS.

Online porn video at mobile phone


FOTOS DE FODA RIJA NEGRAO BIGconto erotico crente rabuda abusada borracheiro vídeos porno metendo na minha tia depois do carnavalcoroa e varoa safadaminha esposa cely e nosso caseiro negrao nosso machofodendo gestantesxvideos.com anal com irma gostosa q nao quis tira o shortinho dela de tava encravado na bunda irmao viu rasgo ela deslizabdo na rola pornocontos eiroticos leilapornq gostozo e bebe porra d pau do meu sogro. escodido d marridogts de fio dentau mostrando ha bucetinha na webiporno mãe. axô que. só geivídeos pornô da Umbanda neguinha coitadaloirinhas da minha região, estou doidinho para acabar com seu sufrimento sexualconto rabuda preferi atrasporno.doido zoofilia ate rasgar com cavaloxvidiop quem cavalgo melho mae o filhase masturbando com o cu enpenadocontos eróticos menina no esconde escontecontos eróticos sinhozinho comendo negrasquero ver filme pornô com mulher morena de 20 anos dando o cu de bruço fechacumeno a safada do bundaopornodoido coitada nem sabia que ia da o cu amadofotos de bucetas do faisaolesbicas picando rebolando gozando chupandos colososencoxada na gostosa d xortii xvideosmarido arumo garoto par soca na buceta da esposaXvideos Resadeiraconto namorada putavídeo pornô homem c****** no pau do outro homem saindo bosta do c* do Cupim na pica no c******** e grossadescabacei a buceta da crentizinha magrela a fora - contos eroticosso gravidas nasiriricas pornodoidocontoprimeirafodaContos chupei a buceta da janaraler contos eroticos de padres reaiscontos so homens gemeos transandopornodoidocoroa deitad na cama so de calcihaKadu p********* pegando as neguinhaa filha dormindo nove anos eu pai catuca no ela e chupando a b***** delasafada de saia curta e vizinho olhandocontos minha mae no meu colocomedo o cu da cunhada elegritando Amadordormindo de bruço acordando pro anal pornovi a minha irma de shortinho nao resistir e batir um ponheta xvideosContos eroticos me vinguei da minha esposa e comi dois cuzinho finalveio e foi comer o cu da novinha pede o recado e tirei a virgindade e saiu sangue da buceta e ela pega no meu pau cagou XVídeosengolimos rebolando de fio dentalContos eroticos com foto bimundobicha com lavando a rolaroberta.vadia.do.parana.fudeno.de.bruco.www xvidios brasileiro mães filhas e tias e comadres com afilhados comintiada nao resitiu o.pau grandetabareu xvideospornocontoincestosflagante de sexo com patricinha de carangolafraga real tio meixeno com a novia arfosaContos eroticos com fotos de podolatria chupando pes da prima dormindostrai o meu maridoContos eroticos flaguei minha mae dando pro caseiro e tambem quizVer mulheres deitada com a buceta sem calcinha e a bertinha saino galacomo daesem doer a bucetacontei como foi minha noite com meu amigo para meu marido pornoPerdendo cabaco com pai contosXxvideo so a cabeci.ha nela dormindoentiada dormindo o padrasto xegade novinha que gosta de engolir bichãorenatadominadoraxvideo foda rija ate choraencoxei minha tia peituda (contos).contos eróticos o tio com minha namoradafudeu a cunhada madura gostosa cherando droga no quarto delacontos eroticos nao aguentei e transei com a minha cadelaxvideos rolas chapuletadasela pegou u jenro dotado peladocomendo a buceta da cabra eda ovelha novinha xhanstermtk contos eroticos coisas do destino capitulo 1fui me depilar no salão e ganhei uma chupadacontos verdadeiros:sou uma advogada madura e fui errabada pelo meu caseirocontos erotico a forcaa paapai me fudeufamiliaaliviava me tesao com o filho novinho da vizinha