Perdi a virgindade para meu professor NEGRO

Um conto erótico de Andy
Categoria: Homossexual
Data: 24/09/2010 01:24:31
Nota 9.75

Meu “NEGRO” professor me comeu

Este fato aconteceu há uns anos atrás quando eu tinha 15 para 16 anos. Sempre tive uma tara meio rara admirava os Homens negros, isso começou aos 09 para 10 anos, quando eu conheci o meu vizinho, e um dia o lhe vi trocando de roupa, ali me despertou em mim uma tara incontrolável, bom vamos a minha Historia. Eu freqüentava uma academia de ginástica e tinha um instrutor negro realmente um corpo invejável de “Negro”,

Trocavas-mos muito olhar na academia era ate notável...

Em meus pensamentos pervertidos imaginava muitas coisas!!!!

Uma das coisas que eu mais gostava era velo tomando banho no vestiário masculino, eu enlouquecia sem poder fazer nada, apenas admirava aquilo tudo...

Principalmente quando seu corpo estava ensaboado. Era realmente um pedaço de “NEGRO” na verdade na aparência facial não podia dizer o mesmo, mais não era isso que eu buscava!!!

Um sábado cheguei à academia para fazer exercício e estava vazia sem ninguém, e La estava ele na academia de calção vermelho e sem camisa, ate parece que ele estava me esperando, rsrsrsrsrs...

Mostrava o seu volume, e também muito difícil esconde-lo...

Eu Também realmente ficava fascinado quando ele estava de calca jeans, realçava seu volume, e de cueca branca então, Hummmm... Era tudo mesmo aquilo e mais um pouco, rsrsrs...

Ai no final dos meus exercícios ele veio me elogiar, ate comentou que meu corpo estava bem definido e comentou que por eu ser branquinho ele admirava muito, fiquei meio sem graça, mais na verdade adorei o elogio... E senti uma excitação imensa...

Ele me convidou para sairmos tomar um chope, e estava muito calor e também já estava ficando noite, na verdade minhas pernas tremiam mais aceitei, nunca tinha recebido um convite de homem sentia aquilo tudo estranho, mais por dentro estava muito afim...

Depois de umas horas conversando papos sem nexo nenhum ele me olhou e me disse, sabe tenho reparado que você fica me olhando sempre, principalmente quando estamos tomando banho no vestiário, nossa estava dando um gole na minha bebida e me engasguei, não sabia o que falar, ele deu um sorriso maroto e disse, não fique com vergonha eu também fico admirando sua bundinha branca, e te digo ela me deixa muito excitados, fiquei mudo, não sabia o que falar, acho que ele notou que eu estava totalmente sem jeito e me disse, estou só no meu apartamento que tal vamos para La a podemos conversar um pouco mais a vontade sem que ninguém escute a gente, não sabia o que falar só balancei minha cabeça e disse sim...

Quando entrei em seu apartamento minhas pernas tremiam, não sei ate hoje se erra de medo, vergonha, ou de tensão, só sei que minhas pernas tremiam muito...

Ele fechou a porta veio por de traz de mim, me abraçou e logo senti seu volume em minha bundinha, e ele me disse aqui não vai passar nada que tu não desejes, vou tomar um banho fique a vontade...

Passados alguns minutos ele me grita, pois havia esquecido a toalha. Entrei no banheiro com a toalha na mão, ele me esperava com a porta do Box aberta, totalmente nu, molhado, as coxas firmes e grossas, braços definidos por muitos exercícios que tinha feito um cacete... Ah!!! Negro, grosso, forte, viril, uma cabeça negra e grande, adornado por um saco maravilhoso e sem nenhum pêlo. Fiquei como que congelado com esta visão.

Me dá a toalha – ele disse.

Acordei do meu êxtase com aquele pedido.

Ele me perguntou se eu gostaria de tomar banho juntos, eu meio envergonhado disse ok, eu não tinha tomado mesmo na academia, ele ma virou de costa e começou a me massagear com suas mãos grandes, e disse que pele branquinha, e apertou minhas poupas com força e disse que eu tinha uma bunda branquinha e durinha, sussurrando em meu ouvido, e senti algo grande e grosso no meio de minhas pernas, não sabia o que fazer só tremia, ele me perguntou por que eu estava assim, tive que lhe dizer que erra virgem, notei que seu pau Negro cresceu em meio de minhas pernas, ai que excitação que eu estava, ele tentou penetrar no meu cuzinho em baixo do chuveiro, mais eu não deixava doía muito, e não sei estava ainda indeciso.

Eu voltei para a sala numa toalha completamente transtornada. Ato contínuo, ele chega enrolado na toalha e me diz:

- Gostou do que viu?E sentiu?

Nem tive tempo de responder, ele deixou a toalha cair e então, de novo, a visão se fez.

Esta hora nós decidimos realmente assumir uma posição eu de puto sedente de um negro, e ele de tirar a virgindade de minha bundinha branca. Olhou-me dentro dos olhos e me disse.

- Que tal um boque-te? Para quebrar o gelo. Perguntou-me já posicionando a pica para a chupada. Perdi totalmente os sentidos e segurando aquela jóia rara com suavidade, caí de boca. Chupei, lambi, acariciei, passei a língua devagar por aquela cabeçorra preta. Ele a socava com forca em minha boca.

Parecia uma puta experiente. De repente, sem nenhum aviso, senti pela primeira vez em minha boca o gosto quente, viscoso, grosso, levemente salgado do prazer

Gemidos de prazer se misturavam ao barulho da chuva caindo.

Em seguida, veio a tão temida pergunta:

- Posso colocar no seu cuzinho?

Percebendo a minha indecisão, o Negro me virou no sofá de costas e pressionou levemente seu dedo em meu cuzinho.

Faíscas elétricas me percorreram o corpo.

A principio senti um pouco de dor, mas pouco a pouco aquela massagem me levou às nuvens. Gemia baixinho pedindo mais e ele me deu. Não sei de onde surgiu um pote de vaselina, mas pelo reflexo da porta percebi ele lubrificando toda sua vara negra e grossa. Meu cuzinho virgem também foi devidamente untado. Entreguei-me loucamente àquele prazer morrendo de medo do que viria. Fiquei de quatro no sofá, com carinho ele foi posicionando sua pica descomunal na portinha. Pressionou levemente e disse:

- Você está muito tenso. Relaxe que vou te fazer ir às nuvens. Doce ilusão. Relaxei um pouco e com um só golpe ele enterrou a cabeça e metade da pica. O urro que eu dei foi abafado pela suas mãos grandes. Tentei desesperadamente sair debaixo daquela pica, mas ele muito mais forte que eu não deixava. Ele bombeava cada vez mais forte me arrombando todo.

- Me desculpe, mas eu tive que colocar de uma só vez, sussurrou-me ao ouvido, pois senão você sentiria muita dor.

Lágrimas de dor, humilhação, prazer, raiva se misturavam. Tentei mais uma vez sair debaixo dele, mas só consegui que o resto daquela pistola entrasse.

- Calma, desse jeito é pior. Relaxe e aproveite o que vou fazer com você.

Ele permaneceu quieto alguns segundos e suavemente começou o movimento de vai e vem. Entreguei-me totalmente, já que não tinha mais remédio. A dor foi sendo substituída pouco a pouco pelo prazer. Dentro de alguns minutos já rebolava querendo mais e me dava. Bombeava e enterrava até sentir o saco batendo em minha bunda, tirava, colocava de novo e eu rebolava... Rebolava e gemia de prazer.

- Meu homem, meu ‘negão’ gostoso da pistola grossa, me come!

Sem sair de dentro, me colocou na posição de frango assado e eu vi estrelas de prazer, olhando para aquele macho em cujo rosto, uma máscara de prazer havia transformado.

Então novamente me segurando firmemente, enterrou até o fim a sua pistola e começou a gozar, tirou ele para fora e gozou em min.

Uma chuva de ‘porra’ inundou meu corpo e ele tirava e colocava me levando ao delírio. Gozei sem tocar em meu pau. Ficou neste vai e vem até esgotar a ultima gota e eu gozar pra valer.

Sem tirar de dentro, a pistola meio mole, me disse:

Obrigado, você me proporcionou uma tarde maravilhosa, poucas são as mulheres que agüentam minha pica e você se comportou como um verdadeiro macho, agüentando tudo e gozando pra valer.

Fui-me diretamente ao banheiro tomar banho, quando comecei a lavar minha bundinha branca como dizia ele, me assustei ela estava totalmente arrombada e pouco ardida, mais na verdade era uma sensação maravilhosa, me sentia realizado, tinha experimentado o que tanto desejava, ele logo enseguida entrou junto comigo ao Box e pediu para eu lavar seu pau, na verdade mais acariciava ele, e notei que ele foi ficando mais duro, e com um sorriso maroto me perguntou se eu agüentava mais, eu meio encabulado lhe disse que sim eu gostaria muito, sai do banho mais enquanto caminhava notei que minhas pregas ardiam muito, mais a excitação era maior...

Em vez de ir à sala me deitei em sua cama, numa posição bem a sua deposição.

Senti seu corpo encima do meu e supurando em meu ouvido me disse você vai ser meu novamente, e logo acomodou sua vara em meu cuzinho e foi colocando devagar novamente e mais uma vez me sentia enrabado na verdade, e foi subindo, descendo ate que novamente senti suas bolas em minha nadegas, essa hora ele forçou e entrou tudo novamente.

Ela ficou uns (20) vinte minutos encima de mim, e senti sua vara ficar maior e ele começou a gritar em meu ouvido, e começou novamente a gozar nas minhas costas. Eu esta hora estava imóvel de dor e excitação, como uma toalha me limpou, e eu deitei ao seu lado.

Meu negão veio e me pegou por traz e disse que ia descansar um pouco, eu fique com sua vara meio mole meio dura entra minhas pernas, e ficava pensando no que tinha feito, não sei se erra certo ou errado, mais depois do tesão passar não estava bem comigo mesmo...

Dormi ao seu lado mais uma menos uma hora, e me levantei para ir ao banho quando voltei ele estava deitado de frente meio dormido com sua vara a mostra, senti novamente tesão erra incontrolável essa sensação...

Ele meio despertando me disse sabe tenho uma excitação incontrolável por você sabia, eu rapidamente disse a ele e disse! Hoje não estou muito ardido e esfolado, ele sorrindo me disse não pode ser com a mão, eu dentei do seu lado e comecei a excitá-lo, já estava duro como um Pau nunca vi coisa igual, ele me disse devagar esta muito seco, e olhei para ele com uma cara de puto e comecei a chupá-lo, esse negão gemia alto de tesão, ate novamente gozou,URROU enquanto ele delirava na cama, me vesti urgente antes que ele me pegasse de novo, eu não agüentava nem sentar, bom fui a minha casa, ate hoje não sei o que fiz e certo, acredito que não por que não sou Gay, mais enquanto durou aproveitei ate a ultima gota,rsrsrsrs... erra uma tara minha, bom essa e minha Historia.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
08/11/2010 10:24:03
Pica negra é tudo de bom!!!!! Vc deveria dar pra esse professor todos os dias!!!! Eu daria!!!!!!!
08/11/2010 10:23:29
Pica negra é tudo de bom!!!!!!!
24/09/2010 23:06:11
que delicia de macho cara. Aproveita para dar muitopra eleque vale a pena.
24/09/2010 14:01:31
que putinha gostosa . quero experimentar seu rabinho .

Online porn video at mobile phone


vídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhoesposa gostosa dando o cu pela primeira vez e gostou e pedio maisXvideo o XVídeos hom mulher transando mais convite homem na cama homem botando o pau na b***** da mulherem botando a b***** da mulhercontos trai com o inquilinowww.porno zoofilia.com/dando buceta virgem engatada dois cachorros?porn bumbum peito enpinadinhos de mae filhapornocontoincestosporno sombra brasileiro pauzudo so com vovo 60anosmulheres de vestido batendo uma punenta para o seu marido e ele gosando e ele gosando muitopassivo inocente e baixinho levando rola enormemulher de caminhoneiro se masturba em casa sozinha contosporno gey contos eroticos perdi cabaso c meu primo guando criansanovınha transando com ırmaocasada fica excitada ao ver o cavalo cruzar com égua no YouTubeboa foda nos adoramos nos amarpornodoido de negãos arebentandos as pequenas loirinhasDeixei minha irma chatinha brincar com minha rola xvideobaixar pornô sogro ditas com novinhas greludaswww.relato erotico mulher cazada gemeu na pica glande.com.brxvodeo fudendo morenas celadas de 4nao era pra enfiar no meu cuzinho virgemxvideos mae meninas cempeitoxvidio mulhe casada. dexa marido dentro priquito brasilerocontos tathy ellenvideos de porno hem arpmbando.a buceya da mulherbatendo o que tá faltando musculoso gostosão fortão pintam grandãoxvideo nigro xxxvvnx vidios flagara sem calsinhaXVídeos mama brusquetaFotos homensatrevidos peladosquadrinhos eróticos o verdureiro safadocaldo de buceta sujanovinhas as srnas apertas cachorroveterinaria coletando semem de cavalo x videoseu com 18 anos de idade eu era virgem da minha buceta e virgem do meu cu minha mãe disse pra mim filha hoje a noite eu e você e seu pai vamos pro motel pra você perder sua virgindade da sua buceta com seu pai conto eróticotrintona rabuda experimentando anal com novinho pirocudo xnxxFotos de marcelinho carioca nu pirocudotia mo gostosa e sobrinho tia fica lavando.loçae sobrinho so.querendo fazer sexo.e.rla nem da bola porno mineiroMinha esposa disse pra minha sogra mae agora fica de quatro pro meu marido fuder seu cu virgem voce vai adorar conto eroticoContos eroticosminja vizinha velhacontosincesto na noca camagranny de 69 chuoando cokc grandearrombando.o cu da deisy a forçahomem emdurece o cacete na bunda da rabuda no bus emcoxadacache:cB0rtZ1uQCMJ:https://zdorovsreda.ru/texto/2015051133 conhada chifera trai u maridome mande vídeo pornô da mulher transando com cachorro bem dotado engatado comendo a bundinha dela e ela suspeitos foramVamp19-Contos O Doce Nas Suas Veias Capitulo 10Fotos d padrasto comendo imtiadoscontos eroticos corno brochouPORNO DOIDO CUMENDO OCU DEMEIREhumilhado rodrigo macho hetero contoContos Gays Sobre Valentoes : Casa Dos Contoscontos meu vo massageava minha bucetinhaMulheres brasileiras fudeno em pe e falando.vou goja no xvideiosvideos de pornodoido levou anovinha pr fode demadrugadafazendo a filha chorar de dor sexo anal tv insentoiniciando um viadinho contocontos de incesto maê pega filho roçar o pênis no grelo da maeEnpregada sendo encoxada por trs de sainhacontos picantes de amor gaysvideos porno velhor comedor da cabeça do pau rombudaCerto ou errado?meu irmao amado contos gays cap.08botei gozei tirei gozei soquei gozeiWww.contoeroticocomcunhada.com.brcontos eroticos feminizaçao do garotinho maeforrodais safadacontos de novinhos no menage masculinovideo de ome comendo ocu da tia bebe dorminosexo a forsamulher casada muito excitada graga jenro fodeno a filha e fica batendo ciriricaMarido marido entertido assistindo o jogo e mulher transa com outroteem calça jeans justo magrinha pornoContos eroticos casal certinho e travest roludoe já te mandei tu também vai vídeo pornô adoro sexo de lavadoradescobri que minha sogra lambe uma buceta porno.desse jeito eu gosp dentro xvideoscasada d saia metendimtk contos eroticos coisas do destino capitulo 1novinha do priquito ruivo contosanne carolzinha fofinha gostoza trepano muitoirmãtocaiairmão