Quando a ducha rompeu

Um conto erótico de Dira
Categoria: Heterossexual
Data: 18/08/2008 10:30:55
Nota 8.00
Assuntos: Heterossexual

QUANDO A DUCHA ROMPEU

Moro num prédio muito sossegado e todos os dias saio de casa por volta das nove horas da manhã para ir ao trabalho (sou gerente de umas das lojas de um shoping próximo), e, frequentemente, cruzo com o Ricardo, advogado e meu vizinho do andar de baixo, e apenas nos cumprimentamos formalmente.

Ele é um homem muito bonito e elegante, e eu notava que ele se interessava por mim, medindo e avaliando meu corpo, enquanto eu ficava na minha, esperando que ele desse o primeiro movimento, ainda mais que ele é casado e tem dois filhos (e eu sou divorciada).

Mas, ontem ouve um acidente no meu apartamento. Estava pronta para sair quando precisei ir ao banheiro e fazer cocô. Quando terminei, ao fazer a higiene íntima (como estava acostumada, usava a ducha acoplada à bacia), o caninho escapou. Como eu não sabia consertar o aparelho, desliguei o registro geral e fui chamar o zelador, mas o interfone não estava funcionando. Sai de casa, tomei o elevador, que parou no andar de baixo e o Ricardo entrou. Cumprimentamos-nos e, tendo notado que eu estava aflita, perguntou o que acontecera e eu contei. Como cavalheiro que é imediatamente se propôs a ir ao meu apartamento e fazer o reparo. Não quis incomodá-lo, mas ele insistiu e quando o elevador chegou ao térreo eu já tinha concordado com ele, subindo novamente para ele fazer o conserto.

Realmente, notei que os concertos das coisas da casa são simples para um homem, enquanto para uma mulher isso tudo é muito complicado.

Para agradecer a trabalheira que ele tivera, fui fazer um café, acompanhado de uns biscoitos de polvilho. Mas ele terminou o serviço antes e foi para a cozinha, quando eu estava coando o café para servir.

Servi o café na sala de visitas e começamos a trocar idéias, começando pela ducha e rapidamente indo para outras. Ricardo tinha uma conversa interessante e muito divertida, conduzindo os temas para onde desejava e, neste caso, foi para os de higiene feminina intima, atingindo às necessidades da higiene intima e, finalmente, para a necessidade de se observar cuidadosamente se a higiene intima foi perfeita. Nesta altura do bate-papo, os assuntos chegaram às idéias safadas, com os nossos olhos brilhando, tendo Ricardo, já sentado ao meu lado no sofá, abraçou-me, aguardando apenas que eu lhe desse o impulso inicial. Desde o inicio desta conversa (poderia dizer que o tema geral foi sobre a higiene íntima), comecei a ficar excitada, minha vagina umedeceu, e, como start-up inicial, beijei Ricardo, que apenas esperava um sinal para continuar. Suas mãos, grandes e harmoniosas, começaram a explorar meu corpo, meus contornos, minhas saliências e minhas profundezas, enquanto que fui dominada por um desejo profundo, há muito tempo não alcançado. Ele afastou-se de minha boca e passou pela minha orelha e sua língua, num movimento circular, enfiou no meu ouvido, deixando-me completamente arrepiada. Voltou a me beijar, desabotoando e tirando minha blusa, soltou e jogou longe o sutiã, enquanto encostou sua língua no meu pescoço, habilmente percorrendo toda a extensão, ampliando o meu desejo, deixando totalmente meu corpo eriçado.

Meus mamilos tornaram-se o escopo da sua língua, alternando lentamente de um para outro, chupando e mordiscando com grande prazer, enquanto comecei a arquejar num tom crescente, sentindo minha boceta estar totalmente molhada, exigindo ser preenchida.

E nem percebi quando Ricardo tirou minha saia e minha calcinha, destroçando a meia-calça e arrancando os sapatos, levantando-me e carregando-me no seu colo para meu quarto e deitando-me suavemente na cama.

Ele ficou de pé ao meu lado e, enquanto despia sua roupa, ficava apreciando cada porção do meu corpo, propondo obscenidades que iríamos realizar mais tarde, o que ampliava o meu desejo, aquele tesão de ser dominada e penetrada.

O físico de Ricardo quando nu mostrava ser o de um verdadeiro Apolo, com um corpo maravilhoso, seu tórax amplo e pujante merecia ser sugado com prazer, uma cintura estreita de um atleta e, como o ápice de seu corpo, rodeando poderosas virilhas, dois testículos que certamente não caberiam juntos na boca de uma mulher e um pênis (que mais parecia ser um tarugo bruto) que era, na realidade, uma broca de titânio, uma ferramenta de penetração dolorida, mas desejada com fervor.

Ele sentou ao meu lado e começou a explorar cada partícula minha, lambendo e chupando, dessa vez com muita força, meus seios duros e pontudos, e indo para a minha boceta, melada e pronta ao que ele desejasse.

Minha mente tornara-se num vulcão prestes a entrar em erupção, aguardando apenas um simples estopim, e o seu rastilho foi a chupada profunda do Ricardo, iniciando na minha uretra, indo ao clitóris, quando, segurando sua cabeça sobre mim, imobilizei sua boca, e comecei a gritar, enlouquecida, experimentando um sublime orgasmo.

Este foi o primeiro de um dos muitos que experimentei ontem, pois Ricardo, deixando de chupar o clitóris, alcançou meu grelinho, chupando, não muito lentamente, pois ele estava ficando louco para ampliar o seu serviço.

Novamente cheguei a uma erupção de prazer, me contorcendo violentamente e berrando, passando a exigir ser penetrada e fodida, mas ele queria me chupar e, graças a sua fortaleza, me imobilizara, não permitindo que eu me movimentasse.

Cansado de me chupar, Ricardo deitou sobre mim e beijou-me, um delicioso beijo de língua onde senti em seus lábios os fluidos provenientes do meu intimo, um suco delicioso compartilhado por nós, e ele, afastado do meu peito, posicionando sua haste de titânio na minha porta, seu mastro pronto a me afundar, e carinhosamente penetrou-me.

Para mim, que nunca tivera um tratamento semelhante, ou seja, ser fodida suavemente por uma barra de aço grossa e rombuda, fui delicadamente alargada ao máximo das minhas dimensões, penetrando lentamente até o fundo da minha vagina, atingindo o colo do útero, enquanto sentia simultaneamente dor e prazer, prevendo uma grande explosão do meu orgasmo e antever que ele teria um gozo inesquecível.

Nós deliramos e urramos juntos, eu sentindo seu pênis e seu sêmen dentro de mim, e ele, forrado por meu hímen e lubrificado por fluidos etéreos, atingimos um gozo perfeito.

Cansados mas mantendo nossas posições, nossos corpos eram explorado pelas nossas mãos, e pensei dizer ao Ricardo, “sou toda sua. Sempre fará tudo desejado, serei o seu prazer e aspiração”. Mas sabia que isto não daria certo e apenas disse, “eu espero ter fornecido todo o prazer pelo seu trabalho, obrigado”.

E ele apenas afirmou, ‘”sempre que precisar de reparos na sua casa, estarei a seu dispor”, beijando-me profundamente e levantou-se, vestindo-se e, sorrindo de uma forma angelical, despediu-se e foi embora, enquanto eu, arrebatada com o que ele me proporcionara, apenas murmurei, “sou profundamente grata a você. Sempre serás meu encanador predileto!”.

Depois, meus pensamentos se alastraram e se fixaram em minha mente, pois, orgasmos e gemidos foram desejados enquanto suas mãos me acariciaram e me exploraram, seu membro viril e seu sêmen me fizeram gozar mais de uma vez, e ele, intensamente, adorou me dominar e me possuir.


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Dira a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
19/08/2008 18:38:27
Add ae linda vamos nos conhecer brzzz Ate ++ BJS vc sab ond deliciosa JBRTY>>>>>>>
19/08/2008 18:36:51
Add ae linda vamos nos conhecer brzzz Ate ++ BJS vc sab ond deliciosa JBRTY>>>>>>>
19/08/2008 13:47:41
NESSE ENRROSCO TODO VC LIMPOU O CU ?????
18/08/2008 13:41:11
Parabéns Dira! Vc nasceu para escrever! Gostei!
18/08/2008 13:12:40
A PORRA DELE NELA Certa vez nos anos 90 tive uma namorada muita safada m, lindamente safada, ela era loirinha, baixinha e bunduda, peitinhos pequenos branquinhos e um sorrisinho lindo. sempre que eu comia ela, ficava falando e perguntei quantos caras ja tinha fudido aquela bucetinha e ela ficava me contado as transas dela, um dia disse que queria ver ela levando um pintão na buceta ela então disse se quis ser corno, é só falar tem um monte de nego querendo me comer, , quer? eu meti mais forte e gozei rapidinho e ela gozando então exclamou: AH QUER NÉ , VC QUER SER CORNO, ENTAO VOU METER UM CHIFRE EM VC COM O CARA DA TELESP, eu fiquei de pau duro novamente sem tirar de dentro e perguntei quem era o cara ela disse que é um cara que sempre ela cruza na calcada e as vezes vai no nosso predio e é louco para comer ela vive cantando ela. Então eu liberei ela, mas disse que queria comer ela com a porra dele escorrendo na buceta dela, tirei o pau para fora e gozei na portinha da buceta dela ela pegou minha cabeça guiou até a buceta dela e gritava, ''chupa corno chupa a buceta que o lopes comeu, chupa seu corno. lambe a porra do Lopes, lambe corninho lindo,!!! Depois de uma semana eu estava no escritorio, e trabalho perto de casa, recebi um telefonema dela dizendo '' oi amor advinha quem está aqui tomando um banho no seu chuveiro?'' eu disse que nao sabia Ela respondeu " o Lopes, aquele mulato gostoso, ele vai me comer e gozar na sua bucetinha '' vem para cá vem chupar a buceta com porra dele, vem, vem logo'' eu sai correndo do escritorio peguei o carro e fui para casa. estava pondo o carro na garagem o cellualr tocou era ela. '' e aí seu corno, onde vc está, vem logo, minha buceta está cheia de porra do Lopes, vem chupar, !! disse que estva entrando no elevador, quando chegar no meu andar dei de cara com um mulatao bonitão com a camisa do telesp, ele entrou e eu sai com o coração na boca Quando entrei no quarto ela stava nuazinha e de cabeça enfiada no travsseiro e o cuzinho par cima, segurando a porra do lopes, pronta para mim. Ela entao falou AI AMOR, ELE FODE TAO GOSTOSO , LAMBE A PORRA DELE, LAMBE, QUANDEI PARA VC. cai de boca na bucetinha dela, estava enorme, cheia de porra. meti a pinto nela e estava enorme, alargada, delicosa, entao ouvia dela ai amor, mete mete gostoso no que sobrou de mim ele me fudeu tao gostoso agora é sua vez, mete meu corno lindo, metia tão forte com tanto tesão que gozei rapidinho. gozei no fundo na porta da buceta dela, e cai de boca novametne, eu adoro porra. beijei ela e cai do lado e fiquei ouvindo ela me contou como ela deu para ele, eu era apaixonado por ela. pena que acabou, eu adorava , ele deu muito para ele durante dois anos. Meu e-mail e msn é Podem me add. .procuro uma menina bem putinha para namorar e casar, adoro sexo e sou liberal e gosto de dividir http://orkut.com.br/Profile.aspx?uid= Quero encontrar outra moça para ser minha esposa e assim todos poderão fuder ela . Quem me ajudar achar outra pessoa igual poderá ganhar um bom presente meu. Marcelo - sp

Online porn video at mobile phone


porno gey contos eroticos priminho inosenteporno filme grande que demore😉😉porno nao percebi mas ela pegou no meu paustrapon sangue e bostaBUCETINHA QUENTINHA, protegendo com sua BUNDA MARAVILHOSAxividio vo coloca bem devaga no ceu cucomedor enrabando professora virgemporno doido pai estrupando filha virgem ate ela chora de dor e inchacar a buceta e machucar o cueu e minha mãe e minha irmã moramos sozinhos eu tenho 22 anos de idade minha irmã ela tem 18 anos de idade eu tirei a virgindade da buceta e a virgindade do cu dela minha mãe ela sabe que eu fodo minha irmã eu tava com a minha mãe sozinho em casa minha mãe disse pra mim filho eu quero fuder com você ela me levou pro seu quarto eu fudi sua buceta e seu cu conto eróticcontos eroticos meninas de vinte e seis anos transando com cachorro com calcinha preta com lacinhos vermelhosou amante do meu paisaudades faze sexo com a minhia esposafotos de gordas gostosas de cho tinhos amostran do abocetaXvideos. Esposinha de vestidinho piscando a xerecarelatos eróticos determinada por um negão roludonovinha deitada no sofa devestido curtinho negao pega a fosa pornopassando a mao no decote e chupando os peitosSou mulher casada meu compadre me fodeunovinha chora mas negao garda a rola nabucetinhaboafoda-gozada-dentro-trans-acavaladas-a bucetinha depilada da minha mãe contoscontos eroticos peguei a maninha novinha loirinha dormindo de bruço fiz anal com alaconto sou rabuda e fui encoxadayoutubebucetada bucetinha depilada da minha mãe contosbundinha redondinha do viadinho.contos eroticoscadelas bucerudas fudendo no ciotravest rabuda d ginasioconto erotico de irmao do meu colegar saradao mim comeu brutalmente gayempregadas dona de casa de calcinha cuidando de tudo mas provocando o patrao com o seu rabu gigante xnxvidiogemendo e gozando gostosas espirrar esperma longe. porno atitudimulher com aberada da buceta toda esticada pra filha verconto erotico afeminado esposa dedos no cua vagina mais.goloza di mundo por pau estranhamente grosso i grandecontoseroticos/comadre rabudaporno pasando a rola na mulher do corno no oniboscontos com comadre sexymaldiçao da clareira da cadelasessentona casada safada nao resistiu ai ver o tamanho do pau do pedreiro tomando banho em seu banheiroporno grats novinha beijando e sendo encochada con permiçao do cornoXVídeo amassadinho estrangeiracarol celico fudendo putinharelatos sou safada. e nem meu irmãozinho nao escapou demiminos putinhos e meninas putinhas x vidios pornovideos porno mulher aguentando dois paus de quase50 centimetrosogra da cu p genro p nao engravida delecontos eróticos reais coroa sequestra as estudantes novinhasconto erotico crente assanhadafilmei escondido minha Mae de vestido trasparente curto e encochei e ela deixou realpeguei me filmando e pus pra mamar gaypassando a mao no peitoral beijando o ouvido beijando o pescoco porncontos eroticos de motorista pirocudo de madamecontos eroticos meu avo me comeu a forca e eu gosteiassitir vidio de porno os mecanicos me arrobaramvizinha Ritinha gemendo bem alto na minha varaAbuaando da tia com sono profundo roncandocontosmaesafadabumda ounda Grande de saimha legue e meia bunda trwnsandoconto amante casada puta ituso sorubinha com elas filha da putacontos de sexo depilando a sograpastora das coxas grossas é de onde, seu emailxxvideos comendo no interrogatório com força uma peitudapornô conponba clandePapai coxudo do caralhocasos amad tira calcin pra irm gosa ponh casa favela cariocacontos eroticos mulher casada bi sonia e suas amigasloira.bunduda.vestido.coladofazendo.amorcontos paimete so no cuZinho da filha de quatro anos a menina gritou muito de dorVer foto de homem enfiando a mao dentro drento da vagina da mulhergravando bebada arredanda a calcinha pro lado e tacando a picanegas sendo encoxadas e vissando e querendoporno com magrınha com dotadocomendo Deca cabeluda da irmãmulhet com pomba gira gozando na picaa policial gostoza sendo fodida aforsa pelo bandido pirocudo xxxxvidiosnovınha transando com ırmaoFotos de picas alargadoras de cu de gaysconto gay "macho entendeu"contos eroticos gay viciado cheira e chupa pal sujopornodoido mãe encina garota #3x videos " ele encheu minha boceta"noivinhas dar peitinhos durinhos para padrasto chupar mos xvideosmenina Com shot bem Curto Moh gostoAmulheres com a voz rouca transandoDorinha jogando morena quicando vai parawww gostosas do zaptk