o desabrochar da babá

Um conto erótico de valeriobh
Categoria: Heterossexual
Data: 11/02/2006 00:07:57
Nota 8.50
Assuntos: Heterossexual

Combinei com as duas serviçais (minha empregada e minha babá), que no meio da semana seguinte, deveriam pedir a patroa (minha esposa), permissão para saírem mais cedo do serviço, posto que tinham marcado irem ao teatro. Marquei novamente na parada de ônibus em frente ao shopping, e pontualmente na hora marcada, lá estavam elas, lindinhas e apetitosas (haviam feito escova no cabelo, usavam um sensual vestido). Elas entraram no carro e partimos para o motel. Como seria a primeira vez da babá, escolhi uma bela suíte, com cama redonda, hidromassagem, sauna, etc. Dentro do quarto, tomamos uma bela dose de destilado, deitei na cama e coloquei uma música lenta, e pedia para que elas dançassem, e fossem uma tirando a roupa da outra, com carícias e beijos. Que delícia, ter duas putinhas subserviente. Elas entraram no clima e iniciaram um erótico striptesse. Saquei o pau para fora e lentamente iniciei uma gostosa punheta. Após ficarem peladinhas, mandei que elas ficassem de quatro, em cima da cadeira, e empinassem bem a bunda, mostrando todo o cú e xota, que estavam deliciosamente depilados (como havia determinado). Retirei minha roupa e passei a enfiar minha língua, alternadamente em cada um dos quatro buracos. Quando estavam bem lubrificadas, saindo uma baba, enfiei meu pau na buceta da empregada, para lubrificá-lo bem. Mandei a babá deitar na cama e que abrisse bem as pernas. Saí de dentro da babá, como o pau todo melado, e me deitei sob a babá. Olhei nos seus olhos e falei: o que você quer que eu faça? E ela, disse, quero que arrebente meu cabaço e faça tudo o que quiser, como prometido. Apontei meu pau para a pequena rachinha, lisinha, igual a de uma tenra menina, e comecei a introduzir. Como o pau e a xota estavam bem lubrificados, não houve muita dificuldade de entrar a cabeça, muito embora ela fizesse algumas caretas. Quanto chegou ao lacre, parei e perguntei novamente o que era para fazer, e ela gritando disse, arrebenta meu cabaço! Dei uma forte estocada para dentro, e senti a membrana se rompendo. Ela deu um grito e eu continuei o caminho túnel a dentro. Enfiei tudo o que podia, até encostar meu saco em seu cú. Parei os movimentos, para ela se acostumar com o invasor. Lentamente fui bombando, e ela gemendo de dor e tesão. Bombei até suar, e não mais agüentando, dei um gozadão, lavando seu útero com porra. Permaneci em cima dela chupando os peitinhos, e até o pau escapar. Saiu uma grande quantidade de sangue e porra. A empregada estava sentada, toda arreganhada, se masturbando. Fomos os três tomar banho. Na hidromassagem, coloquei as duas de quadro na borda, passei um pouco de lubrificante nos cuzinhos e introduzi os dedos. Quando tinha três dedos em cada cú, apontei meu pau para o cú virgem da babá e fui empurrando. Foi mais fácil que a xota. Quando entrou tudo, passei a estocar e dar tapas em sua bunda, chamando-a de putinha do patrão. Mandei que a empregada se deitasse por baixo e chupasse a buceta da babá, enquanto eu metia no rabo dela. Também mandei a babá chupar a xota da empregada. Dei outro gozadão, e quando retirei o pau, com um pouquinho de merda na cabeça, mandei que a empregada retirasse com a língua a porra que estava saindo. Quando retornei ao quarto, após lavar o pau, elas estavam na cama, num louco 69. Fizemos trenzinho. Ora estava chupando uma buceta e um cú de uma, e tinha meu próprio cú e pau chupado pela outra, ora invertíamos, até que gozei na boca da babá. Sabia que mesmo com todo o tesão, e com auxílio do viagra, não conseguiria dar a quarta gozada. Assim, para não despertar suspeitas em casa, paguei a conta e saímos do motel. No caminho, disse que marcaria um ginecologista para a babá (como fiz com a empregada), para que fizesse exames de DST e inserisse DIU, para que tivéssemos ótimas fodas, sem o risco de doenças e/ou gravidez indesejada. E assim seguiu minha vida. Quando estávamos os três sozinhos, ou em dupla, sempre metia num dos buracos e gozava, mandando que a felizarda limpasse meu pau com a boca ([email protected])

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
06/07/2009 08:09:11
se é pra comentar.... bem concordo com o reginaldo canalha digo gadelha... fica meio estranho vc só faz a mesma coisa sempre! mas continuo achando muito bom pode melhorar mais vc consegue!!!
pablo
03/03/2006 16:09:15
bom conto porem mentiroso
Reginaldo Gadelha
17/02/2006 22:38:00
Vc é babaca ou cheira cola ? Que merda de conto. Vai se lavar seu
drica
11/02/2006 13:30:41
esse conto é repetido,seu sem criatividade!!!
11/02/2006 10:15:57
boa imaginação nota 4

Online porn video at mobile phone


minha tia Gleice Albuquerque pornôeu quero chupar o pezinho da casa da minha vizinha que tem chulé gostoso a loirinha gostosa em chupar meu paucontos eiroticos leilapornleitinho do papai contosContos mendiga pornocontos eroticos cona madura sofre com piça ggconto eroticos gay. saunaConto gay com coroacontos das bordas da conacontos namorada com amigo no churascocunhada mamou gistosoconto erótico aprendendo a dirigircontos eroticos Julius e Dinho uma mulher para 2 Parte 4 a descobertacontos eroticos filiarContos eroticos chantagiei minha sogra e acabei estrupando elaContos eróticos da minha noracontos eiroticos leilaporncontos eróticos menina dando o cuzinho vídeo safado mortalidadeMenina querendii dar a buceta xvideosestrupo a noviha arobam buceta e ela manda paradei a buceta pro borracheiro contos eroticospadrasto pirocudo droga a enteada e transaMeu cão ralf me comeu contoquem é o divã roludo ?mulheres casada sendo encoxada egozacontos eroticos de putas e putosconto no cinepornocontos eiroticos leilapornporno negao engatano crentinha casadaisso que apareceu no quer vir para casa vídeo de pornô se você não abrir Eu prometo te dei nesse iguaxvideo emprevistoschorei no cavalete contos eroticosSobrenatural-Contos Eroticos zdorovsreda.rua gozano fortemulher mais griluda gordas wbbcasada traindo e falando ai era isso que eu queria outra pica fudendo minha bucetavideos sexo incesto filha novinha reda calcinha de lado pro pai fude elacontos eroticos casada viu pauzao do mendigocontos eroticos dominada na frente do meuvou te arregaçar vagabunda, grita vadia, tô te arrombando cadelanando ta duendo nando ai minha buceta nando ceta poinhndo tudoruıva semastu e goża muitomenino menoridade inocente porno gaysobrinho fica triste com a tia so lembrando do namorado que morreu xvideosbucetascontoninfeta cismou comigodelirando sexo filhinha inocente 18Apaixonado pelo pitboy conto gay part 18videos porno meu vizinho é louco por minha bundacontos eroticos gay o cravo e o espinhobicos de tetas estranhas.xvideoscontos eroticos arrebentei o cu virgem do meu cunhadinho na pescariaoutro lado do paraíso xivideocontos fudendo minha tia safada gorda q veio pasa uma sema aqui en casaCavala e umcavali xexover mulheres gostosas dasando funk com a bunda molhe so de calcinhaComente aluguel xvideos.comxvidores arega jogocontos de novinhas iniciada na webrnpornodoidopornodoido jumentao esfolou cucontos eroticos de incesto no coloputas abixar uma boa fodamulher de calça legue branca estigando e mostrando tudo youtube tarado sobrinhas sexaul tirado a roupa nuasMarido marido entertido assistindo o jogo e mulher transa com outroCont erot a costureiraFotos d cazada sendo fodida p roludoxvideoAmiga Fica Olhando A Outra Fazendo Um Boquete E Acaba Dando Uma Mãozinha No Final